A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

28/02/2011 09:48

Surpreso, Márcio Fernandes lembra que Celina esteve na Assembleia na quinta

Fabiano Arruda e Ítalo Milhomem

Senador Moka também manifestou tristeza pela morte da ex-deputada

Celina usa palavra em sessão na Assembleia. Ex-deputada morreu nesta madrugada. (Foto: Arquivo)Celina usa palavra em sessão na Assembleia. Ex-deputada morreu nesta madrugada. (Foto: Arquivo)

O deputado estadual Márcio Fernandes (PTdoB) disse, nesta manhã, que ficou surpreso com a notícia da morte da ex-conselheira do TCE/MS (Tribunal de Contas do Estado), Celina Jallad (PMDB).

O parlamentar lembrou que a ex-deputada esteve na Assembleia Legislativa na última quinta-feira, durante a sessão da Casa.

Fernandes afirmou que Celina conversou com deputados, na ocasião, e que estava alegre.

“É uma perda muito grande para o Estado”, declarou.

O senador Waldemir Moka (PMDB) também lamentou a morte de Celina Jallad. Ele se disse profundamente triste com a notícia. "Era companheira de partido leal e amiga na qual se podia confiar".

Moka ressalta que Celina foi criada num ambiente político em que se destacavam as figuras do pai Wilson Barbosa Martins e o tio Plínio, duas das maiores personalidades da política de Mato Grosso do Sul.

"O berço político em que nasceu era da melhor qualidade e que a moldou de forma impressionante. Mulher guerreira, competente e centrada naquilo que fazia", declarou o senador.

Condolências - Políticos estiveram na residência da ex-deputada nesta manhã. Estiveram por lá o prefeito de Campo Grande, Nelson Trad Filho (PMDB), a suplente do senador Waldemir Moka (PMDB), Antonieta Trad, a primeira-dama do Estado, Beth Puccinelli, e a ex-vereadora em Campo Grande, Tereza Name.

A secretaria estadual de Assistência Social, Tânia Mara Garib, esteve na casa do ex-governador Wilson Barbosa Martins para deixar as condolências à família.

Aneurisma - Celina Jallad morreu esta madrugada no hospital Sírio-Libanês, em São Paulo, onde estava internada devido a aneurisma da aorta dissecante que sofreu ontem.

Ela foi submetida a cirurgia, que terminou à meia-noite e faleceu às 5 horas.

Celina Jallad nasceu em 11 de fevereiro de 1947, em Campo Grande. Ela foi deputada estadual por quatro mandados e assumiu vaga no TCE em novembro do ano passado.

Celina era professora e empresária, filha do ex-governador Wilson Barbosa Martins e Nelly Martins.

Já ocupou secretarias municipais e de governo e foi a primeira mulher a ser eleita deputada em Mato Grosso do Sul.

Ela era casada com o desembargador do Tribunal Regional do Trabalho, Abdalla Jallad, há 43 anos. Celina lutava contra o câncer de mama desde 2009.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions