ACOMPANHE-NOS    
JUNHO, SEGUNDA  27    CAMPO GRANDE 27º

Política

Tereza Cristina ficaria com vaga para Senado se eleições fossem hoje

Odilon de Oliveira, Luiz Henrique Mandetta, Sergio Harfouche e Tiago Botelho também pontuam na pesquisa

Por Anahi Zurutuza | 23/06/2022 06:12
Tereza Crstina em discurso enquanto ainda era ministra da Agricultura (Foto: Agência Brasil)
Tereza Crstina em discurso enquanto ainda era ministra da Agricultura (Foto: Agência Brasil)

Se as eleições de 2022 fossem nesta quinta-feira (23), Mato Grosso do Sul elegeria a ex-ministra da Agricultura, Tereza Cristina (PP), para a vaga disponível no Senado Federal.

Na pesquisa estimulada – quando o “cardápio” de candidatos é apresentado ao entrevistado –, do Novo Ibrape, 30,8% dos eleitores declararam que dariam seu voto para a deputada federal que se licenciou do parlamento e assumiu cargo no alto escalão do Executivo federal, durante o primeiro mandato de Bolsonaro.

A pesquisa traz Odilon de Oliveira (PSD) em segundo lugar, com 21% das intenções de voto. No terceiro lugar da corrida pela vaga de senador, está o também ex-ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta (União Brasil), que teria 11% dos votos.

O quarto lugar no ranking fica com Sergio Harfouche (Avante), que aparece com 4,2% dos votos, enquanto em quinto, aparece Tiago Botelho (PT), que conquistaria 2,7% do eleitorado.

O cenário ainda pode mudar, apesar se repetir o de outras pesquisas eleitorais já divulgadas este ano, mostrando Tereza Cristina sempre à frente, com larga vantagem em relação ao segundo colocado.

Conforme o levantamento, 30,3% dos entrevistados ainda não tem certeza em quem vai votar, sendo que 17,9% se declaram indecisos e 12,4% afirmam que não votariam em nenhum dos candidatos listados.

Nas últimas eleições, Mato Grosso do Sul elegeu Nelsinho Trad (PSD) e Soraya Thronicke (União Brasil) para o Senado e agora, escolherá candidato para ocupar o lugar da senadora Simone Tebet, pré-candidata à Presidência pelo MDB.

O Novo Ibrape entrevistou 3 mil pessoas com mais de 16 anos em 28 cidades sul-mato-grossenses, entre os dias 14 e 19 de junho. Conforme a pesquisa, registrada no TSE (Tribunal Superior Eleitoral) sob os números MS-0644/2022 e BR 08519/2022, a margem de erro é de 1,8% para mais ou para menos.

Nos siga no Google Notícias