A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 22 de Março de 2019

03/01/2019 19:42

Tereza Cristina indica conterrâneo, novo secretário de Inovação do Mapa

Fernando Silveira Camargo trabalhou por 15 anos na Caixa Econômica de MS até assumir cargos no TCU e chegar a direção geral do STF em 2013, na gestão do então presidente Joaquim Barbosa

Adriano Fernandes
Fernando é formado em Direito e Administração Pública, Fernando também é especialista em gestão estratégica e finanças. (Foto: Divulgação) Fernando é formado em Direito e Administração Pública, Fernando também é especialista em gestão estratégica e finanças. (Foto: Divulgação)

A deputada federal e ministra da Agricultura, Tereza Cristina (DEM), indicou o conterrâneo Fernando Silveira Camargo para assumir a recém criada Secretaria de Inovação, Desenvolvimento Rural e Irrigação, ligada ao Mapa (Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento).

Para assumir o cargo no Ministério, Camargo precisa ainda de liberação da atual função de auditor fiscal do TCU (Tribunal de Contas da União) e por isso não tomou posse nessa quarta-feira (2) com os demais secretários.

À reportagem, Fernando confirmou que a nomeação formal para o cargo deve ocorrer na próxima semana, mas evitou adiantar mais detalhes.

Carreira - Formado em Direito e Administração Pública, Camargo também é especialista em gestão estratégica e finanças. No Estado, trabalhou na Caixa Econômica Federal - entre os anos de 1989 a 2004 -, onde exerceu funções gerenciais, inclusive na Superintendência Estadual da instituição.

Em seguida assumiu o cargo de secretário de Gestão de Pessoas do TCU (Tribunal de Contas da União) de Mato Grosso do Sul até ser transferido ao cargo de auditor em Brasília, DF. No órgão, também atuou como Chefe de Gabinete do Ministério Público de Contas da União e, recentemente, Coordenou o Projeto Eficiência e Produtividade.

Em 2013 também foi diretor-geral do STF (Supremo Tribunal Federal) na gestão do então presidente Joaquim Barbosa e atualmente é Secretário de Orçamentos e Finanças do TCU.

A secretaria – A Secretaria de Inovação, Desenvolvimento Rural e Irrigação será responsável pela articulação e implementação de projetos de inovação voltados para o desenvolvimento rural, em alinhamento com a Embrapa, empresas de pesquisa e institutos de ensino, principalmente para o Nordeste brasileiro, conforme o Canal Rural do Uol. 

A Embrapa já está elaborando um plano detalhado com sugestões para um programa de desenvolvimento agropecuário do Nordeste, que deve ser entregue à ministra e ao futuro secretário, pelo presidente da empresa, Sebastião Barbosa, em março.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions