A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

22/06/2009 16:34

Wanderley antecipa aposentadoria e Neves já conta com TC

Redação

O conselheiro Augusto Maurício da Cunha e Menezes Wanderley antecipou o pedido de aposentadoria em seis meses do TCE (Tribunal de Contas do Estado). Cotado para a vaga, o deputado federal Waldir Neves (PSDB) já conta com a posse na corte fiscal para abrir mão do mandato para o suplente, o radialista Marçal Filho (PMDB).

O Campo Grande News apurou que o conselheiro, que completa 70 anos em 17 de janeiro de 2010, quando deveria se aposentar compulsoriamente, antecipou o pedido alegando problemas de saúde. Ele está aguardando a publicação do ato do governador André Puccinelli (PMDB) no Diário Oficial do Estado, que deverá ocorrer nesta semana.

Hoje à tarde, na Assembléia, Puccinelli antecipou ao deputado federal tucano que já assinou o ato aposentado Wanderley. Com a nomeação de Waldir Neves para o cargo, ele garante a posse de Marçal Filho na Câmara dos Deputados. Representante da região de Dourados, o parlamentar é fiel ao governador.

Neves até filosofou, há pouco, que a decisão contempla o PMDB, a região de Dourados, onde o prefeito Ari Artuzi (PDT) não é considerado aliado de Puccinelli, e Marçal Filho, que não conseguiu se eleger na última eleição, ficando na primeira suplência.

Wanderley assumiu no Tribunal de Contas há 14 anos, em 7 de outubro de 1995. Ele já foi presidente da corte fiscal e se aposentará com proventos integrais.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions