A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 19 de Outubro de 2019

17/11/2011 07:05

Eleição do Simted: Compromisso e Luta

Por Ivo Campos*

O resultado do pleito eleitoral do SIMTED – Sindicato Municipal dos Trabalhadores em Educação de Dourados – MS, para o triênio 2012/2015, foi mais uma demonstração de maturidade e de confiança da categoria, haja vista que, mais uma vez, venceu a proposta mais coerente com os anseios dos profissionais da educação, representada pela chapa “Compromisso e Luta”, encabeçada pelo professor João Vanderlei como presidente e pela professora Gleice Jane como vice.

O grupo vencedor, sem dúvida alguma, demonstrou que possui maturidade suficiente para conduzir as principais bandeiras de luta da educação no município de Dourados. É só observarmos que no bojo das suas propostas está intrínseca uma série de demandas da educação, tanto a nível local como da conjuntura nacional.

A Carta intitulada “Educação de Qualidade”, distribuída durante a campanha pelo grupo vencedor, por exemplo, destaca o apoio à luta pela implantação da Lei do Piso, que estabelece uma base salarial para todos (as) os (as) profissionais do magistério, a ampliação da hora atividade destinada ao planejamento, à luta pela aprovação do PNE – Plano Nacional de Educação, que estabelece metas de qualidade, luta pela implantação do piso salarial para 20 horas, bem como a destinação de 10% do PIB para a Educação, o que repercutirá em mais financiamento para a educação básica, além de tantas outras pautas de interesse da categoria.

Enfim, depois da apuração dos votos, todos acabam sendo vencedores, porque o que mais interessa, a partir da posse da nova diretoria em fevereiro, é a categoria. As disputas foram apenas durante o processo eleitoral. A partir do próximo ano todos devem se juntar para continuar a luta pelos interesses dos profissionais da educação.

Ressaltamos que, tanto na Chapa “Compromisso e Luta”, que venceu as eleições, como na Chapa 2 “Compromisso, Humildade, União e o Filiado em Primeiro lugar”, tem pessoas idôneas, e que também sempre estiveram na vanguarda das principais lutas da categoria.

Consolidado o resultado final do pleito, todos (as) devem continuar unidos (as), em torno das principais bandeiras de luta, mantendo presente o debate de idéias. A eleição foi justamente para renovar o oxigênio da classe. De agora em diante é “bola” pra frente, pois, há muito que fazer, lutamos pela construção de uma sociedade justa, e a educação é um dos principais pilares para o avanço desse processo.

(*) Ivo Campos é professor da Rede Municipal de Educação

campivo@hotmail.com

Antônio Baiano – Um Gigante
Roseli Marla, minha cunhada querida, neste momento de profunda tristeza que todos estamos vivendo com a morte prematura do nosso querido Antônio Baia...
Projeto de lei pretende punir quem ocultar bens no divórcio
Quem milita na área do Direito de Família está, infelizmente, mais do que acostumado a se deparar com inúmeros expedientes para fraudar o direito à m...
Internet, Vínculos e Felicidade
A cada dia estamos passando mais tempo em celulares e computadores. Tanto que muitas vezes, quando maratonamos seriados, até a televisão pergunta: "t...
Origem espiritual da Profecia
Em minha obra Os mortos não morrem, transcrevo estudos abalizados e relatos interessantíssimos sobre a realidade da vida após o fenômeno chamado mort...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions