A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 19 de Agosto de 2019

03/04/2019 12:04

Ação do Garras prende 17 condenados por estupros, homicídios e roubos

Do total, dez foram condenados por estupro que somam pena de 146 anos. Um caso de roubo, o réu foi sentenciado a 51 anos de prisão

Viviane Oliveira e Geisy Garnes
No total, foram 32 presos e cinco adolescentes apreendidos pelas equipes do Garras (Foto: arquivo/Campo Grande News)No total, foram 32 presos e cinco adolescentes apreendidos pelas equipes do Garras (Foto: arquivo/Campo Grande News)

De março até agora, ação do Garras (Delegacia Especializa de Repressão a Roubos a Bancos, Assaltos e Sequestro) prendeu 32 homens procurados pela Justiça no Estado por vários crimes, como roubo, homicídios e estupro de vulnerável. Também foram apreendidos pelas equipes policiais cinco adolescentes. Um dos presos foi Ricardo da Silva de Jesus. Ele foi condenado a 51 anos de prisão por roubo. 

Conforme o delegado João Paulo Sartori, foram nove mandados por prisão preventiva pelos crimes de organização criminosa (furto a banco), violência doméstica e estupro de vulnerável. Também foram capturados 17 condenados pela Justiça, sendo dez por estupro, um por roubo, dois por homicídio, um por homicídio culposo, um por porte de arma, dois por violência doméstica e um por estar foragido do sistema prisional. 

Os adolescentes apreendidos foram por tráfico de drogas, posse de droga e receptação culposa. Os casos foram registrados na Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) da Vila Piratininga. Também teve prisão em Amambai (por roubo), Três Lagoas (violência doméstica) e  Dourados (estupro de vulnerável). 

Presos - Nos últimos 30 dias, foram presos por estupro de vulnerável: Ramão Jacques, 75 anos, às 17h, no Bairro Aero Rancho (condenado a 12 anos de prisão por estuprar menina de 12 anos em 2012), Otaviano dos Santos, 59 anos, no Bairro Noroeste (condenado a 9 anos e 11 meses por estuprar criança de 10 anos em 2008), João da Paixão Dolci, 56 anos, no Bairro Seminário (condenado a 20 anos de prisão por violentar meninas de 7 e 9 anos em 2012), Silvio Vargas, 65 anos, no Bairro Aimoré (condenado a 14 anos em regime fechado por violentar a própria neta). 

Também foram capturados José Luiz Vicente, 49 anos, no Bairro Itamaracá (condenado a 13 anos e 4 meses de prisão por estuprar criança de 10 anos em 2014), Rene Cachoeira, 60 anos, no Bairro Lageado (condenado a 9 anos e 4 meses por estupro de vulnerável), Renato Antônio da Silva, 55 anos, em Aquidauana (condenado a 28 anos por estupro de vulnerável), Antônio Monges da Silva, 55 anos, no Bairro Aero Rancho (condenado a 32 anos em regime fechado por estupro de vulnerável). 

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions