A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 10 de Dezembro de 2017

03/06/2009 07:57

Bebê com sangue raro não resiste à infecção

Redação

A menina Jéssica Silgueira Garcia dos Santos, de um ano e cinco meses, não resistiu à infecção hospitalar, contraída enquanto se recuperava de cirurgia de risco para corrigir uma cardiopatia congênita. Ela morreu no último sábado (30), às 22h45, no CTI (Centro de Terapia Intensiva) da Santa Casa, em Campo Grande.

O caso da criança ficou conhecido depois que sua mãe, Elisângela Dias Silgueira dos Santos, procurou a imprensa em busca de doadores do sangue AB negativo, considerado raro, para que ela pudesse ser submetida a um procedimento cirúrgico.

Apesar da cirurgia ter sido considerada 'bem-sucedida' pela família, por corrigir o problema no coração, Jéssica teria que ficar internada no CTI (Centro de Terapia Intensiva) da Santa Casa por, pelo menos, três meses.

Durante esse período, ela contraiu infecção hospitalar, resultado de uma bactéria, informou a mãe. Por conta disso, precisou novamente de doadores de sangue.

Na última semana, em entrevista ao Campo Grande News , Elisângela fez novo apelo, pois a criança precisava de plaquetas do sangue AB negativo para se sobreviver.

Mas, a menina não resistiu à infecção contraída e morreu no final de semana.

Câmara de Vereadores entrega meio milhão de reais em emendas parlamentares
A Câmara Municipal de Costa Rica, a 305 quilômetros de Campo Grande, realiza nesta segunda-feira (dia 11) três sessões, duas delas especiais. Às 14h ...
Município de Itaporã comemora 64 anos de emancipação neste domingo
Conhecido como Cidade do Peixe, Itaporã, distante 227 km de Campo Grande, comemora 64 anos de emancipação neste domingo (10). A prefeitura municipal ...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions