A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

10/12/2014 13:54

Campeão no consumo de carne gorda, MS precisa mudar os hábitos

Segundo IBGE, Estado fica entre os primeiros na ingestão de bebida alcoólica, refrigerante e sal

Aline dos Santos
Consumo de carne gorda é o maior do País, segundo pesquisa do IBGE (Foto: Marcelo Calazans)Consumo de carne gorda é o maior do País, segundo pesquisa do IBGE (Foto: Marcelo Calazans)

O sul-mato-grossense é líder no consumo de carne gorda no País. O dado da primeira edição da Pesquisa Nacional de Saúde, divulgada nesta quarta-feira pelo IBGE ( Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), não chega a ser novidade, mas não deixa de preocupar quem atua nas áreas de saúde e alimentação. O Estado também ocupa a dianteira em quesitos de um estilo de vida com muito consumo de refrigerante, sal e bebida alcoólica.

De acordo com levantamento, a proporção de adultos que consome carne ou frango com excesso de gordura chega a 55,7% em Mato Grosso do Sul. O segundo lugar fica com o vizinho Mato Grosso, com proporção de 55,1%. No Brasil, a média foi de 37,2%.

Avançando na análise do cenário estadual, a pesquisa mostra que o consumo de carne gorda predomina entre os homens, com proporção de 66,8%.

Para o clínico geral e cardiologista Luiz Ovando, a preferência pela gordura não tem relação somente com o fato de o Estado ser um grande produtor de carne e o churrasco ser prato tradicional. Segundo ele, há uma busca instintiva por gordura.

Ele explica que o modelo de inatividade e alto nível de estresse que adotamos leva à perda de células. Para repor, busca-se gordura, que atua na formação das células. “Somos produtos do alimento que a gente ingere”, salienta o médico.

No quesito sal, por exemplo, o Estado aparece em quarto lugar na maior proporção de consumo elevado (17,6%), ficando atrás de Amapá, Rio Grande do Sul e Santa Catarina. “Pesquisa feita por mim em 2007 apontou que 41,4% dos habitantes acima dos 20 anos é hipertenso”, afirma, citando resultado de pesquisa realizada em Campo Grande.

De acordo com a nutricionista Caroline Kratz, o ideal é o consumo de carne vermelha três vezes por semana. “No mundo da fantasia, é o ideal”, diz. Contudo, a realidade dos atendimentos mostra outra preferência. “90% dos pacientes dizem que o que mais gostam de comer é carne”, afirma.

Segundo ela, a carne vermelha é rica em gordura saturada. “Acaba tendo nível de colesterol alto, além do ácido úrico”, diz .

Já o peixe segue bem distante do prato do sul-mato-grossense, que tem a segunda menor proporção de consumo no Brasil (33,2%). “O peixe tem várias vantagens. Tem o ômega 3, gordura anti-inflamatória”, explica a nutricionista.

A pesquisa sobre o estilo de vida também aponta que somente 38,1% das pessoas com 18 anos ou mais consomem o recomendado de hortaliças e frutas no Estado.

Eu bebo sim – Passando do prato para o copo, é grande o consumo de refrigerante e bebida alcoólica. A proporção de ingestão de refrigerante açucarado regularmente é de 29,3%, a terceira maior do País, atrás de Amapá e Goiás.

No quesito proporção de adultos com consumo abusivo de álcool nos últimos 30 dias antes da pesquisa, Mato Grosso do Sul ocupa o segundo lugar, atrás somente da Bahia. No Estado, a proporção foi de 18,4%.

A perigosa e ilegal conduta de dirigir após o consumo de álcool também fez parte da pesquisa. Em Mato Grosso do Sul, a proporção foi de 26,3%. A idade média de quem começa a beber é de 18,9 anos.

Sedentarismo e cigarro – No Estado, a proporção de pessoas que pratica o nível recomendado de atividade física é no lazer é de 21,9%. Já a proporção dos adultos insuficientemente ativos chega a 44,7%. A proporção de usuários de produtos derivados do tabaco é a segunda maior do Brasil: 18,6%.

Em convênio com o Ministério da Saúde, o IBGE visitou cerca de 80 mil domicílios em 1.600 municípios de todo o país, no segundo semestre de 2013.

IBGE diz que 46% dos brasileiros não fazem atividade física suficiente
Quarenta e seis em cada 100 brasileiros não fazem atividade física suficiente no lazer, no deslocamento ou no trabalho, segundo informações divulgada...
STF tem maioria a favor de delação negociada pela Polícia Federal
O Supremo Tribunal Federal (STF) formou hoje (13) maioria para manter a autorização legal para que a Polícia Federal (PF) possa negociar delações pre...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions