A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 21 de Outubro de 2019

21/08/2019 10:45

A 3 dias de competição, Rally dos Sertões muda visual na região central

Equipes começaram a montar acampamentos que serão usados pelo apoio dos competidores do rally, com largada em Campo Grande

Silvia Frias e Clayton Neves
Acampamento das equipes começou a ser montado esta manhã, em Campo Grande (Foto: Henrique Kawaminami)Acampamento das equipes começou a ser montado esta manhã, em Campo Grande (Foto: Henrique Kawaminami)

A três dias da largada oficial do Rally dos Sertões 2019, em Campo Grande, as equipes começam a montar acampamentos a serem usados pelas equipes dos competidores, no estacionamento do Armazém Cultural.

Este ano, o rally tem recorde de inscritos, com 302 competidores. O trabalho de montagem das tendas está em fase inicial e, esta manhã pouco mais de três equipes havia chegado ao Armazém Cultural.

Entre eles, está o mecânico Rodrigo Batista da Cruz, 33 anos, da equipe Torres Rancing, que chegou ontem, juntamente com outros 21 integrantes, entre piloto, navegador, chefe de cozinha e pessoal de apoio. Eles alugaram uma casa, insuficiente para o staff e, por isso, a estrutura vai ser montada para acomodar a todos. Há sete anos em competições do rally, diz que esse trabalho já faz parte da rotina. “Mas a ansiedade é sempre presente”, diz.

Motos dos competidoes já estão em Campo Grande (Foto: Henrique Kawaminami)Motos dos competidoes já estão em Campo Grande (Foto: Henrique Kawaminami)
Equipe faz os primeiros trabalhos no Rally dos Sertões (Foto: Henrique Kawaminami)Equipe faz os primeiros trabalhos no Rally dos Sertões (Foto: Henrique Kawaminami)

Edson Pitzer, 49 anos, integra a equipe Top Rally há cinco anos, que já venceu a categoria Triton, no Rally 2015. “Como a gente ganhou, dá peso, tem responsabilidade”. Este ano vão competir em três categorias (Triton Master, TI e UTV Bug). Após a montagem da tenda, os veículos vão passar por vistoria, com previsão até de uma volta pela cidade.

Estreante em rallys, o piloto Carlos de Castro Neto é o representante de Campo Grande na competição, pela equipe FD Team. Até agora, tinha experiência como piloto de velocidade na terra. “Tá começando a dar um frio na barriga”. Apesar da ansiedade, diz não sentir o peso da responsabilidade, por ser da cidade, justamente por ser a primeira vez. “Quero completar a prova e ganhar pelo menos de um, para não ficar em último”, brincou.

Esta é a primeira vez que o Rally dos Sertões, o maior das Américas, terá largada em Campo Grande, como parte das comemorações do aniversário de 120 anos da cidade. A competição terá pilotos de 21 estados brasileiros de 163 cidades. A caravana irá trazer pelo menos 1,2 mil pessoas, entre integrantes da equipe e organização. Serão oito etapas em seis estados, passando por nove cidades-anfitriãs.

Armazém Cultural é ponto de concentração da organização do Rally (Foto: Henrique Kawaminami)Armazém Cultural é ponto de concentração da organização do Rally (Foto: Henrique Kawaminami)
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions