A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 22 de Janeiro de 2019

28/04/2017 07:21

Bairros têm de ponto de ônibus vazio a trabalhador à espera de “resgate”

Aline dos Santos e Willian Leite
Ponto de ônibus vazio no bairro Nova Lima (Foto: Marcos Ermínio)Ponto de ônibus vazio no bairro Nova Lima (Foto: Marcos Ermínio)

Pontos de ônibus vazios é o cenário em bairros de Campo Grande nesta sexta-feira de greve. Na saída para Cuiabá, a camareira Sandra Gomes da Silva, 34 anos, era uma das poucas trabalhadoras na rua.

Ao lado de uma colega, ela estava num ponto de parada do transporte coletivo, mas aguardava ser “resgatada” pelo patrão. “A gente já sabia e estou esperando o patrão vir nos buscar”, conta.

No mais, a paradeira domina as principais vias dos bairros como Nova Lima, Vida Nova e Tarsila do Amaral.

No Nova Lima, a Jerônimo de Albuquerque é rota para duas linhas do transporte coletivo urbano, mas todos os pontos de ônibus estavam vazios. A situação se repete na Santa Augusta, principal via do Tarsila do Amaral.

A mobilização de hoje é contra as reformas da Previdência e trabalhista, proposta pelo governo federal. O protesto fecha escolas públicas e agencias bancárias nesta sexta-feira. O Aeroporto Internacional de Campo Grande tem funcionamento normal nesta manhã.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions