A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 22 de Maio de 2019

16/05/2019 10:46

Bandidos sequestram homem, pedem R$ 450 mil e Choque resgata vítima

Homem foi sequestrado na região do aeroporto na tarde de terça-feira

Kerolyn Araújo
Everton foi preso após pular muro de residência. (Foto: Divulgação/Batalhão de Choque)Everton foi preso após pular muro de residência. (Foto: Divulgação/Batalhão de Choque)

Policiais do Batalhão de Choque da Polícia Militar resgataram, na madrugada desta quinta-feira (16), um homem de 44 anos sequestrado na tarde da última terça-feira (14). Os bandidos roubaram a caminhonete da vítima, uma Toyota Hilux, e estavam pedindo resgate de R$ 450 mil à família do homem.

Conforme informações da polícia, militares do Batalhão de Choque realizavam rondas no bairro Parque do Lageado, quando avistaram Everton Vinícius Martins de Souza, 22 anos, pulando o muro de uma residência na rua Ilse Araújo de Souza. Os policiais entraram no imóvel, renderam o suspeito e encontraram a vítima amarrada e vendada no sofá da sala.

À polícia, a vítima contou que na tarde de terça-feira seguia em uma Toyota Hilux por uma estrada na região do Aeroporto Internacional de Campo Grande, rumo a uma fazenda onde iria verificar um rebanho de 250 cabeças de gado, que pretendia comprar por R$ 450 mil. Durante o trajeto, a vítima foi abordada por dois bandidos armados.

Após ser abordada, a vítima foi amarrada, vendada, amordaçada e levada para o cativeiro no Parque do Lageado. A caminhonete foi levada para o Paraguai e vendida por R$ 15 mil.

Para libertar o homem, os bandidos pediram resgate de R$ 450 mil à família. Em um segundo contato, o valor baixou para R$ 10 mil.

Casa onde a vítima foi mantida em cárcere. (Foto: Divulgação/Batalhão de Choque)Casa onde a vítima foi mantida em cárcere. (Foto: Divulgação/Batalhão de Choque)
Vítima foi encontrada amarrada e amordaçada em sofá. (Foto: Divulgação/Batalhão de Choque)Vítima foi encontrada amarrada e amordaçada em sofá. (Foto: Divulgação/Batalhão de Choque)

Depois de ser preso, Everton indicou uma casa no bairro Mário Covas, onde estaria um homem identificado como 'Buguinho', que teria sido o comparsa do bandido no sequestro. Na residência, os policiais encontraram uma porção de maconha, uma munição de calibre ponto 50, além de uma autorização de saída temporária da Agepen (Agência Estadual de Administração do Sistema Penitenciário) no nome de Kelly Cristina Paes de Oliviera, 46 anos. O comparsa e nem a mulher foram localizados no local.

Em um segundo endereço passado por Everton, os policiais encontraram Elison França Feitosa, 20 anos. À polícia, ele confessou que ficou com a caminhonete da vítima de terça para quarta-feira, até ela ser levada para o Paraguai.

Segundo a vítima, Kelly, que foi reconhecida por foto, é ex-funcionária da casa de um primo que é pecuarista. Ainda conforme a vítima, ela sabia das transações de compra e venda de gado da família.

Everton e Elison foram presos. Kelly e o comparsa do sequestro seguem foragidos.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions