A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 20 de Agosto de 2019

19/04/2019 08:41

Motorista sofre sequestro ao parar em semáforo e passa 4 horas em cativeiro

O caso aconteceu por volta das 3h desta sexta-feira (19), na Rua Evelina Selingardi, no Bairro Lageado

Viviane Oliveira
Caso foi registrado na Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário da Vila Piratininga (Foto: arquivo/Campo Grande News) Caso foi registrado na Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário da Vila Piratininga (Foto: arquivo/Campo Grande News)

Um homem de 43 anos ficou mais de 4 horas em poder de bandidos durante tentativa de roubo de carro. O caso aconteceu por volta das 15h30 de ontem (19), na Rua Evelina Selingardi, no Bairro Lageado, em Campo Grande, mas foi registrado nesta madrugada. Os suspeitos pelo crime ainda não foram identificados. 

Conforme boletim de ocorrência, a vítima contou que seguia num veículo Chevrolet Celta de placa de Jardim, quando ao parar num semáforo foi abordada por dois homens e obrigada a ir para o banco do passageiro. Um dos criminosos portava uma faca. Os bandidos, então, assumiram a direção e rodaram por vários pontos da cidade até irem para uma casa murada com portões de grade. Lá, havia apenas um cômodo com um colchão no chão e fios (aparentando ser local de cativeiro).

Ele permaneceu no local por cerca de 60 minutos, até um dos autores o colocar novamente no carro e sair. Durante o trajeto, uma jovem (provavelmente integrante da quadrilha) entrou no automóvel. Depois de um tempo, a mulher se desentendeu com o bandido, conseguiu descer do carro e sair correndo. O criminoso foi atrás para tentar alcançá-la deixando o homem sozinho. Foi nesse momento que ele aproveitou para assumir a direção do seu carro e fugir.

À polícia, o homem relatou que enquanto era mantido em cativeiro escutou um dos autores comentar com o comparsa que roubaram um Peugeot nesta quinta-feira (18) e na sequência o destruíram.

Os bandidos levaram dinheiro e o relógio de pulso da vítima. O homem não lembra o local de cativeiro. Também não foi mencionado no registro policial o local onde o motorista conseguiu assumir a direção e fugir. O caso foi registrado na Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) da Vila Piratininga. 

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions