A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

14/10/2015 10:19

Coleta para novamente por atraso no aluguel de caminhões e falta de diesel

Antonio Marques e Luana Rodrigues
A falta de pagamento da locação dos veículos seria a causa dos caminhões permanecerem no pátio da Solurb na manhã de hoje (Foto: Marcos Ermínio)A falta de pagamento da locação dos veículos seria a causa dos caminhões permanecerem no pátio da Solurb na manhã de hoje (Foto: Marcos Ermínio)

Mais uma vez o serviço de coleta de lixo parou na Capital. Dessa vez a CG Solurb não teria pago pela locação dos veículos que fazem o serviço de coleta de lixo na Capital e a dona da frota teria acionado o sistema de segurança que impede o funcionamento dos caminhões. Também estaria faltando combustível em parte dos veículos.

Segundo informações apuradas delo Campo Grande News, cerca de 80% dos caminhões ficaram parados no pátio da empresa CG Solurb na manhã de hoje, 14. Os trabalhadores não puderam sair para fazer a coleta por falta de caminhão, apenas os veículos próprios da empresa teriam deixado o local.

Procurada, a direção da Solurb não enviou resposta até o fechamento desta matéria. O presidente do STEAC/MS (Sindicato dos Trabalhadores em Empresas de Asseio de Conservação de Mato Grosso do Sul), Wilson Gomes da Costa, não atendeu as nossas ligações.

Entulhos – O fechamento do aterro de entulhos no Jardim Noroeste, cerca de 80 caminhões formaram filas nas ruas próximas do local para descarregar. Conforme o presidente da Associação Campo-grandense de Locação de Bens Móveis, José Arthur Almeida Fernandes, não é a primeira vez que o local fica fechado para as caçambas. “A situação vem se arrastando há dias, uma vez que a empresa responsável por espalhar o material não está recebendo da prefeitura”, comentou.

Segundo José Arthur, a empresa Selco Engenharia, dona de quatro tratores de esteira que faz o trabalho de espalhar os entulhos e a manutenção do local, já não recebia há três meses. Depois que o prefeito Alcides Bernal (PP), a situação teria piorado com a permanência do atraso. “Sem recursos para abastecer os tratores, a empresa tem colocado apenas um para fazer o serviço e não é suficiente, provocando o fechamento do aterro”, explicou.

O dono de uma empresa com cinco caminhões que descarrega entulhos no aterro, que preferiu não se identificar, disse que a fila de caminhões tornou-se frequente no local e isso estaria provocando prejuízos, pois não conseguem recolher as caçambas das ruas da cidade.

O presidente da Associação disse que o assunto já teria sido levado ao prefeito, que se comprometeu em resolver o problema, o que não teria acontecido até então. “Se isso permanecer estamos pensando seriamente em fazer um manifesto parando os caminhões em frente ao Paço Municipal”, afirmou, acrescentando que iria tentar falar com Bernal ainda hoje. O Campo Grande News não conseguiu contato com a direção da empresa Selco Engenharia.

Conforme José Artur, são 60 caçambas de entulho a cada hora descarregando entulho no aterro, o que corresponde a cerca de quatro mil toneladas por dia de material no local. Procurada, a prefeitura também não respondeu nosso contato até o fechamento desta matéria.

Com fechamento do aterro de entulhos no Jardim Noroeste, a fila de caminhões tem sido frequente nas proximidades do local (Foto: Divulgação)Com fechamento do aterro de entulhos no Jardim Noroeste, a fila de caminhões tem sido frequente nas proximidades do local (Foto: Divulgação)


Isso literalmente virou bagunça, não temos varrição , não temos poda de grama , não temos tapa buraco , agora pergunta se os pagamentos do vereadores , deputados etc... estão atrasado .e os impostos não para nunca , agora para detonar de vez estão jogando pedra brita nos buracos, os carros passam e espalhar por toda rua e dane-se os motociclista que para levar um tombo nem precisa estar correndo basta vacilar que vai pro chão , e quem paga os danos , pode ter certeza que é o cidadão que se ralou , quebrou moto etc... tudo isso por pura picuinha de Políticos sem noção . e o povo que se danem, isso é brasil terra dos coronéis !!
 
jonas nunes dos santos em 14/10/2015 14:33:34
Já possou da hora de ter uma intervenção nesse empresa.
 
Junior em 14/10/2015 12:03:00
Já virou palhaçada isso!!!
 
Adriane Marques em 14/10/2015 11:34:37
E daí gente! Estão felizes com a troca? Não queriam mudanças? Se o Nelsinho Trad não prestava, esse que está aí agora deve ser o genial, o "voz de veludo" que enganou os trouxas de plantão. Acabaram com Campo Grande. Que queriam mudanças devem estar felizes agora. Bem feeeito!
 
Barbarossa em 14/10/2015 11:09:15
A municipalidade age como se a coleta de lixo fosse um benefício extra aos contrubuintes. Deve ser um serviço prioritário. Esse descaso com a coleta de lixo deveria ser punido exemplarmente. A responsabilidade total é da administração municipal.
 
JPedrinho em 14/10/2015 11:07:25
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions