A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

27/11/2012 18:30

Dupla é presa com colete a prova de balas e munições no Noroeste

Viviane Oliveira e Helton Verão
Fábio, o primeiro da direita para esquerda, nega que roubou a casa do Polícial. (Foto: Pedro Peralta)Fábio, o primeiro da direita para esquerda, nega que roubou a casa do Polícial. (Foto: Pedro Peralta)
Eles roubaram uma TV, videogame, DVD, carrinho de bebê, um colete a prova de balas da PM e um pente de pistola.40. (Foto: Pedro Peralta)Eles roubaram uma TV, videogame, DVD, carrinho de bebê, um colete a prova de balas da PM e um pente de pistola.40. (Foto: Pedro Peralta)

Uma dupla foi presa após arrombar e furtar a casa de um policial militar por volta das 10h desta terça-feira (27) no jardim Noroeste, em Campo Grande.

Fábio Henrique de Oliveira, 34 anos, e Naor da Silva do Prado, 20 anos, foram flagrados com os produtos furtados 1h depois na casa de um deles, no bairro Portal Caiobá.

De acordo com o delegado da Defurv (Delegacia Especializada de Furtos e Roubos de Veículos) João Reis Belo, a Polícia investigava na região o roubo de uma caminhonete, quando encontraram os dois.

Durante revista no barraco de um deles foi localizada uma TV, videogame, DVD, colete a prova de bala da PM, munição de um pente pistola.40 e um carrinho de bebê. Todos esses objetos foram roubados da casa do policial.

Fábio disse que, roubou sozinho e levou os produtos furtados dentro do carrinho de bebê para a casa de Naor. “Roubei porque sou usuário e iria trocar os produtos por droga”, disse. Para a Polícia, Fábio e Naor agiram juntos. 

Os dois saíram recentemente do semiaberto. Fábio saiu no final de agosto e tem passagem pela Polícia por roubo e tentativa de homicídio.

Naor estava em liberdade desde a última quarta-feira (21). Ele tem passagem por furto e violação de domicilio. A Polícia investiga a possibilidade dos dois estarem envolvidos em outros furtos na região.

Os dois foram autuados por furto qualificado por rompimento de obstáculo e concurso de pessoas.

Eventos de Natal, inauguração de igreja e obras interditam 9 ruas na Capital
A Agetran (Agência Municial de Transporte e Trânsito) informa que pelo menos 9 ruas terão o tráfego impedido neste domingo (17) em Campo Grande. O fe...
Bandidos armados com faca usam carro prata para assaltar vítimas
Dois homens armados com faca em um carro prata - com placas HTI-8594 - assaltaram ao menos duas vítimas, na madrugada deste domingo (17), no Bairro C...


É o ciclo vicioso, eles não conseguem ficar longe da cadeia, junto com os irmãos. Penas mais rigídidas e multas para que os que cometem crimes parem para pensar se realmente compensa ou não cometer o ato ilícito. Hoje eles não pensam se vale ou não, simplesmente agem.
 
Francisco Lima em 28/11/2012 10:47:10
A desculpa é a mesma: "sou usuário de drogas". No Brasil é atenuante ser usuário de drogas. Essa alegação minimiza a pena do ladrão. No Estados Unidos usuário vai para cadeia. Por isso vamos continua a ser país rico com leis de terceiro mundo...
 
tiago resende em 27/11/2012 19:45:08
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions