A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 19 de Setembro de 2018

15/06/2018 12:23

Eleição para diretor nas escolas vai ocorrer após outubro, diz prefeito

Já os profissionais eleitos tomarão posse em janeiro do ano que vem, conforme prevê proposta

Mayara Bueno e Kleber Clajus
Presidente da ACP, Lucílio Nobre, discursa na ACP, ao lado do prefeito Marquinhos Trad (PSD). (Foto: Kleber Clajus).Presidente da ACP, Lucílio Nobre, discursa na ACP, ao lado do prefeito Marquinhos Trad (PSD). (Foto: Kleber Clajus).

Agora sancionado, o projeto de lei sobre eleição direta nas escolas municipais prevê que o processo de escolha dos diretores aconteça depois de outubro de 2018. Nesta sexta-feira (dia 15), o prefeito Marquinhos Trad (PSD), sancionou a medida na ACP (Sindicato Campo-Grandense dos Profissionais de Educação).

Uma comissão será formada na Semed (Secretaria Municipal de Educação) e nas escolas municipais, de acordo com a titular da pasta, Elza Fernandes. As eleições vão contemplar 95 escolas e os eleitos vão tomar posse em janeiro de 2019 e terão um mandato de três anos.

Segundo o prefeito Marquinhos Trad (PSD), o pleito para escolher de forma direta os dirigentes acaba com as indicações políticas nas instituições de ensino, que podem gerar perseguições. "É injusto de um gestor publico exonerar diretores porque não os apoia politicamente".

Para o presidente da ACP, Lucílio Nobre, as eleições vão cumprir preceitos já estabelecidos na Constituição e também no Plano Nacional de Educação e LDO (Lei de Diretrizes Orçamentárias).

"As eleições também permitem que os atuais gestores se programem para prestação de contas e que os novos tenham a possibilidade de desenvolver o plano de trabalho para o próximo ano".



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions