A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

17/02/2016 23:58

Esposa de PM escapa de sequestro ao enviar mensagem e cinco são presos

Nyelder Rodrigues

Uma mulher de 25 anos e sua mãe, de 51, foram sequestradas por uma dupla armada, nessa quarta-feira (17), no bairro Nova Campo Grande. A polícia conseguiu encontrá-las quase 6 horas depois, após o marido da vítima, que é policial militar, receber uma mensagem com a localização do cativeiro. Cinco pessoas envolvidas no crime já foram presas.

As vítimas estavam em um VW Golf quando foram abordadas pelos sequestradores, a pé, na rua 7, no período da manhã. Um deles sentou no banco do motorista, enquanto o outro foi para o banco do de trás do carro.

Eles dirigiram o carro até os fundos do bairros Moreninhas, já em área rural, no fim da rua Araticum, onde as mulheres ficaram reféns. Antes, os autores passaram pelo bairro Rouxinóis e efetuaram disparos contra um homem em uma praça.

Já no cativeiro, as mulheres ficaram sendo vigiadas por um homem, enquanto o veículo era levado para a fronteira com o Paraguai, em Ponta Porã - cidade localizada a 323 km de Campo Grande.

Resgate - Por volta das 14h30, a esposa do policial militar conseguiu enviar para ele uma mensagem por celular, através do aplicativo WhatsApp, com a localização dela e da mãe.

Ele estava em casa, e diante da informação, acionou o BPChoque (Batalhão de Polícia Militar de Choque). Chegando perto do local indicado, o homem que vigiava percebeu a aproximação e fugiu.

Após o resgate, a polícia foi informada pelas vítimas que o carro VW Golf foi levado. A placa e caracteristicas do veículo foi informada à PRF (Polícia Rodoviária Federal), que logo indentificou a recente passagem dele por Dourados.

Já na BR-164, o DOF (Departamento de Operações de Fronteira) montou barreiras na rodovia, conseguindo recuperar o Golf já próximo do Assentamento Itamaraty.

Conforme o boletim de ocorrência, foram presos Roberto Barbosa Junior, 18, Luzia Silva Iamandu, 37, Luis Carlos Arevalo, 27, Michael de oliveira Pereira, 22, e Thaynara da Silva Ferreira, 18. As circunstâncias em que foram presos cada um deles não foi informada, nem se mais pessoas são procuradas pelo crime.

O caso foi registrado na Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) do bairro Piratininga. Além do carro, foram recuperados celulares, corrente, relógio de pulso e dinheiro. Um Fiat Siena usado pelos criminosos foi apreendido.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions