A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

22/07/2013 11:19

Fundo pode subsidiar gratuidade e reduzir tarifa em até 32% na Capital

Leonardo Rocha
Fundo poderia subsidiar gratuidade e reduzir tarifa de ônibus (Foto: Cleber Gellio)Fundo poderia subsidiar gratuidade e reduzir tarifa de ônibus (Foto: Cleber Gellio)

Especialistas e usuários do transporte coletivo defendem a criação de um fundo financeiro pela Prefeitura de Campo Grande para “subsidiar” a gratuidade do ônibus e reduzir a tarifa em até 32% na Capital.

De acordo com a Assetur (Associação das Empresas de Transporte Público Urbano de Campo Grande), 35% dos usuários não pagam passagem de ônibus. São os estudantes, idosos, portadores de deficiência e 11 categorias, entre elas carteiros, militares e policiais. Segundo a entidade isto interfere em 32% do preço da passagem, já que o restante dos usuários precisa “arcar” com os custos desta conta.

Somente os estudantes correspondem a 22% deste montante, o que representa 55 mil passageiros por dia na Capital. “O executivo precisa fazer algo, para que se faça justiça com os usuários, 75% deles pagam pelos demais, isto não é justo, talvez criando uma alternativa para esta situação, temos um condomínio, mas nem todos arcam com os custos”, destacou João Rezende, presidente da Assetur.

Rezende ressaltou que o passe aos idosos e estudantes já são benefícios conquistados, mas os demais poderiam ser revistos ou ajustados. “É uma questão de estudo para se criar a melhor possibilidade, uma discussão com toda sociedade”.

Já Haroldo Borralho, presidente do Fórum da Cidadania, destacou que este fundo, viabilizado pela prefeitura, deveria ser financiado com o aumento na cobrança do IPTU (Imposto Predial Territorial Urbano), pois assim toda população iria contribuir. “Não ficaria pesado para ninguém e a tarifa poderia ser reduzida, assim se faria justiça fiscal e social”, apontou.

Borralho ainda destacou que deveriam ser implementados outros incentivos ao transporte coletivo, como o aumento das alíquotas de impostos aos carros e motos. “O transporte coletivo voltaria a crescer e ter uma qualidade melhor”, indicou ele.

Usuários – A maioria das pessoas ouvidas pelo Campo Grande News concorda com a criação de um fundo para subsidiar a gratuidade, porém quem vai “custear” este valor gerou divergências. A vendedora Naiane Candelária destacou que a prefeitura deve “bancar” este fundo, já que é de sua responsabilidade dar melhores condições aos usuários. “Inclui no orçamento (prefeitura), mas sem criar novos impostos”, destacou.

Laura Freitas, assistente administrativo, ressaltou que o executivo deve encontrar uma forma de pagar este valor, sem que os passageiros continuem “arcando” com estas contas. “Hoje alguns não pagam, mas outros é que bancam o valor, a tarifa precisa cair muito mais”, ponderou.

Já Roseli da Silva, técnica em segurança do trabalho, destacou que aumentar o valor do IPTU para reduzir a tarifa é a melhor opção. “Todos vão contribuir, seja rico ou pobre ou quem anda de ônibus e de carro, seria mais justo”, defendeu ela.

Apenas a atendente de farmácia, Fátima da Silva, ressaltou que este “fundo” não deve ser criado, já que com o passar do tempo está situação pode reverter. “Depois a prefeitura não consegue subsidiar e prefere mexer na gratuidade dos estudantes, o passe livre é um incentivo a educação, melhor deixar como está”, argumentou ela.

Roseli defende que o IPTU banque a tarifa do transporte (Foto: Cleber Gellio)Roseli defende que o IPTU banque a tarifa do transporte (Foto: Cleber Gellio)
Leni diz que poder público deve custear fundo, mas sem elevar tributos (Foto: Cleber Gellio)Leni diz que poder público deve custear fundo, mas sem elevar tributos (Foto: Cleber Gellio)


Que ridículo, o cara trabalha menos de 8 hrs por dia, tem empregada domestica, só anda de carro do ano, almoça nos melhores restaurantes, e ainda quer prejudicar a vida dos cidadães que com uma merreca de salario minimo, tem que pagar, água, luz, cuidar dos filhos e ainda fazer a compra do mês. Sabe seu Borralho, se não pode ajudar e ser um pouco humano fica quieto, fechar a boca de vez em quando é bom. Tira 5 % do seu salario e doa pro transporte publico, garanto que isso nunca passou pela sua cabeça.
 
Tais Oiveira em 23/07/2013 13:47:17
E este Sr Borralho é presidente do Forum da Cidadania! Sua sugestão rapidamente vai ser acatada pelo alcaide e o serviço continuara caro e ruim. Por que carteiro não paga ônibus? Deve ser pago pela empresa Correios. Por que presidente de associação de bairro não paga ônibus? Sua passagem deve ser paga pelos socios da associação e não por todos os outros usuários.
 
paulo neres carvalho em 22/07/2013 16:44:10
nunca vi um pm em onibus, que nao seja em serviço (a paisana) pra prender assaltante, nem militar fardado andando de graça, 35% de gratuidade é mentira dessa ASSETUR
 
jose manoel em 22/07/2013 16:18:09
Qual a ligação de quem tem um imóvel que suou para adquirir ter que bancar gratuidade de passagem de ônibus. O povo só se lasca, mesmo quem tem um automóvel e não usa terá que pagar. Ideia de quem não ganha seu dinheiro suado. Vergonhosa nossa política.
 
Rodrigo Augusto em 22/07/2013 15:24:10
Engraçado! Além da questão do transporte coletivo, um detalhe, interessante, me chamou a atenção nesta matéria: que a entrevistada afro-descendente (Roseli da Silva), é técnica em segurança do trabalho, uma profissão bem qualificada, de boa remuneração e a entrevistada branca é de uma profissão menos pouco qualificada.

Acredito que eu não sou a única pessoa a perceber isso, já que é de costume as afro-descendentes estar em posições de servidão e os brancos sempre melhores posicionados. É interessante, mas temos de nos acostumar com a ascensão afro-descendente no Brasil.
 
Leonina Maltmann Scott em 22/07/2013 15:05:11
faca remanejamento de pelo meno da metade destes alunos das escolas estaduais e municipais para as escola dos seus bairros ou bairros proximos; ta na hora de alguem tomar uma atitude nesse sentido vai diminuir a bagunca e a lotacao nos transporte coletivo; nas escolas municipal e estadual do jd taruma tem espaco suficiente para mais umas 10 salas de aulas fica a dica..............
 
antonia mariano em 22/07/2013 15:02:29
Sr: Haroldo Borralho, presidente do Fórum da Cidadania, o senhor com certeza nunca falou nada tão idiota assim em toda sua vida. Eu ja pago IPTU caro e nunca, repito nunca, nem uma vez usei de onibus dentro de Campo Grande, pois o montante mensal da passagem é mais cara que a parcela de uma moto. Se o senhor quer justiça fiscal e social, então pague do seu bolso a diferença e pare com esta palhaçada. Primeiro que ninguem anda de graça pois quem paga ja esta pagando por quem nao paga pois o preço é caro. O serviço é ruim, ja perdeu 28 % dos usuarios pois até de bicicleta se chega mais rapido. Para finalizar se o senhor tambem quer por a conta nas costas do povo então é melhor ficar de boca calada.
Ass: Jose Antonio Batista
 
Jose Batista em 22/07/2013 14:24:08
Sr: Haroldo Borralho, com certeza o senhor deve estar de brincadeira, aumento do IPTU e IPVA? O governo bate recorde em cima de recorde de arrecadação e o sr. quer que o contribuinte seja mais extorquido? Ainda mais quem não é usuário (donos de carro e moto) e os que não necessariamente é usuário (pagantes do IPTU)? Absurdo! Tem que acabar com TODAS as isenções. Cada um paga o seu. É o mais justo! Solução 1 - reduzir de 5% para 2% o ISS, isso o Bernal pode fazer. Só a isenção tributária dada pelo governo federal o preço da passagem poderia cair 18 centavos. Bernal baixou só 10, meses depois, e na pressão. Sr, Borralho, o sr. quer é que quem não usa pague a passagem de quem usa. Absurdo! Vamos fazer assim, eu pago sua passagem do busão e você paga minha gasolina. Combinado?
 
RODRIGO FERREIRA em 22/07/2013 13:41:09
Essa "TURMA" deve estar de brincadeira, eu nem acredito no que acabei de ler. O correto seria cada um pagar pelo o que usa, agora dar aumento mais ainda no IPTU não é justo, o usuário do transporte coletivo continuará tendo que pagar duas vezes. O engraçado que o atual prefeito achou que era fácil falar, quando era candidato, em valores mais baixos da tarifa, e porque agora ele não toma atitude digna de um prefeito e resolve o problema, já que ele achava fácil? Essa discussão será infinita em Campo Grande...
 
Rosangela Garcia em 22/07/2013 13:39:04
MAIS UMA VEZ QUERENDO UTILIZANDO O POVO. QUEM TEM QUE DAR GRATUIDADE OU NÃO É O SETOR PUBLICO. O POVO JA ESTA MUITO PENALIZADO.
 
adrielle pereira em 22/07/2013 13:20:03
Simplesmente ridículo! Há que se rever o que é benefício, desconto, redução... e transferência de cobrança de um setor para outro. Simplesmente ridículo!
 
Jean Lucy em 22/07/2013 13:07:01
Sr ª Roseli, está de brincadeira falar que temos que bancar através do i p t u, que já não está tão barato agora ter que aumenta pra dar mais gratuidade no transporte publico, fora que temos que arca com combustível caro. fica com essa ideia só pra senhora !!!!
 
fred lopes em 22/07/2013 13:03:46
Espero que o conteúdo dessa matéria tenha deixado bem claro que, ao contrário do que os socialistas bebês do MPL pretendem ou sonham, e seus filhotes regionais, não existe nada gratuito. Existem pessoas e categorias que se beneficiam da gratuidade, mas o valor sempre será pago por alguém. Nada é gratuito.
 
Luiz Mantena em 22/07/2013 12:41:11
Sr: Haroldo Borralho, presidente do Fórum da Cidadania, com certeza o senhor deve estar de brincadeira ou não é o senhor que paga o seu IPTU em Campo grande, pois pago um imposto absurdo, para ser mais direto, mais de R$- 1.400,00, numa alicota de 1% e não tenho sequer rua asfaltada no bairro onde moro a 10 anos, no residencial Oliveira II, e vejo pouco retorno desse dinheiro na cidade, cidade que aliás falta muito ainda em educação, saúde, segurança etc... E ai me vem um cidadão, dizendo que nós e que temos que custear o transporte gratuito. Porque não divide a conta entre diminuição dos impostos no ISS, ou quem sabe diminuindo o custo com salário de vereadores e despesas nas mordomias dos mesmos. Agora não né, é muito mais fácil cobrar do povo campo grande-se. CHEGA DE PALHAÇADA.....
 
Arley Nogueira em 22/07/2013 12:27:29
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions