ACOMPANHE-NOS    
SETEMBRO, SÁBADO  19    CAMPO GRANDE 31º

Capital

Governo publica convênio para concluir moradias de 150 famílias

Casas serão concluídas no Jardim Canguru e no Loteamento José Teruel, em Campo Grande

Por Leonardo Rocha | 15/06/2020 11:55
Casas do Jardim Canguru, em Campo Grande (Foto: Arquivo)
Casas do Jardim Canguru, em Campo Grande (Foto: Arquivo)

O governo estadual, por meio da Agehab (Agência de Habitação Popular de MS), publicou convênio no valor de R$ 7,8 milhões com a Prefeitura de Campo Grande, para concluir moradias de 150 famílias no  Jardim Canguru e Loteamento José Teruel. Eles são os antigos moradores da favela Cidade de Deus.

Deste convênio, será repassado R$ 2,5 milhões do governo estadual e mais R$ 5,3 (milhões) da prefeitura municipal. Ao todo são 52 moradias no Jardim Canguru e mais 98 no loteamento José Teruel. Para isto será lançada uma licitação que vai escolher empresa, que terminará estas residências.

Estas moradias foram entregues na gestão passada em Campo Grande, no entanto em péssimas condições. Depois disto, segundo a Emha (Empresa Municipal de Habitação), os moradores passaram por cursos de qualificação, para em regime de “mutirão”, pudessem terminar as casas, no entanto a empresa contratada vai finalizar os projetos.

Segundo o município, as obras devem começar em até cinco meses. Nesta região já foram entregues 100 casas no bairro Bom Retiro e outros 36 estão em andamento. Segundo assessoria da Emha, em relação aos moradores do Vespasiano Martins, eles serão “reassentados” em uma noa área, já que laudo técnico apontou que as casas estão “condenadas”, em função do solo.