A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

01/07/2011 12:45

Jovem que levou 22 facadas já havia retirado denuncia contra o marido

Francisco Júnior

Delegada acredita que crime foi premeditado

Roupas que a vítima usava no dia do crime. Adolescente usou duas facas para ferir esposa. (Foto: Simão Nogueira)Roupas que a vítima usava no dia do crime. Adolescente usou duas facas para ferir esposa. (Foto: Simão Nogueira)

Ângela Francisco Ribeiro de Oliveira, 22 anos, esfaqueada 22 vezes pelo marido na tarde do dia 27, no Jardim Centenário, já havia sido agredida por ele. Um boletim de ocorrência foi registrado sobre ocorrido.

A agressão aconteceu no mês dezembro do ano passado, quando a jovem morava com o agressor na casa da mãe. O marido, um adolescente de 17 anos, deu uma gravata na mulher, que na época estava grávida de cincos meses. Mas no mês de março, Ângela pediu para que a polícia não desse prosseguimento ao caso e foi morar com o agressor em uma casa que ele alugou para os dois.

A mãe de Ângela, Edite Francisco Ribeiro, 46 anos, que esteve hoje na Deaij (Delegacia Especializada de Atendimento à Infância e Juventude) prestando depoimento, disse que a filha não estava mais feliz com o casamento e chegou a se separar do adolescente. “Ele foi atrás dela pedindo para voltar. Ele disse que queria criar o filho junto com ela”, afirmou.

Segundo Edite, Ângela não queria continuar o relacionamento e chegou a arrumar as malas para ir embora. Ela acredita que este seja o motivo para que o genro tenha tentado matar sua filha.

A mãe disse que jamais imaginaria que o adolescente pudesse cometer uma brutalidade dessas. “A gente não percebeu nada. Ele era uma pessoa normal, um cara bonzinho”.

Edite disse que a filha não pode nem ouvir falar o nome do marido. “Ela está traumatizada. Não quer falar do que aconteceu. Ela começa a chorar só de ouvir o nome dele (marido)”.

Ângela está internada na Santa Casa de Campo Grande. Ela teve o lado esquerdo do rosto desfigurado pelas facadas. Além de estar com graves ferimentos no tórax e abdômen. Como está tomando medicamentos muito fortes, ela não pode amamentar o filho de apenas um mês de vida. " O médico disse que minha filha sobreviveu por um milagre", disse a mãe.

Apreensão – Depois de esfaquear a mulher, o adolescente fugiu do local do crime. Mas, acabou capturado por policiais da Deaij. Ontem, ele prestou depoimento na delegacia e relatou detalhes da brutal tentativa de homicídio.

O garoto justificou o crime alegando ciúme da mulher. Ele disse que no dia anterior ao crime, no domingo escutou a mulher falando com um ex-namorado pelo telefone. Segundo ele, o ex havia perguntado se o filho de Ângela seria dele.

Na segunda-feira, o adolescente afirmou que encontrou a mulher na rua com o filho. Ele conta que a mandou entrar na casa e fechou o portão. Em seguida, os dois foram para o quarto e começaram a discutir.

De acordo com o adolescente, Ângela lhe agrediu com dois tapas na cara e ele revidou puxando o cabelo dela e a jogando em cima da cama. Após as agressões, ele a puxou pela perna e a tentou arrastar até a cozinha.

Como a mulher se segurou em dos pés da cama, o adolescente conseguiu arrastá-la até a porta do cômodo. Lá, ele pegou uma faca de açougueiro e desferiu vários golpes no rosto e peito da vítima, até a laminar do objeto entortar.

Não satisfeito, ele pegou um facão e continua desferir mais golpes sobre Ângela. Ele só parou depois que a vítima começou a agonizar.

Segundo a delegada, o adolescente não demonstrou arrependimento e relatou ocorrido de maneira fria. Ela acredita que ele tenha premeditado o crime. “Ele fechou o portão. Ele deixou as facas preparadas para matar a sua esposa”, afirmou a delegada.

Após prestar depoimento, o garoto foi encaminhado para a Unei (Unidade Educacional de Internação) Novo Caminho, localizado no bairro Los Angeles, na Capital.



Mais um menor infrator! Tenho dó do povo brasileiro que trabalha, que é honesto e que cumpre com seus deveres e obrigações.
 
Daniel Chaves em 02/07/2011 09:24:26
Tá fácil agora .

É só arrumar um bom advogado que consiga provar que , caso a jovem venha a morrer pq se não morrer sendo primário nem preso vai , para conseguir provar que o homicídio foi praticado sem a intenção de matar ou melhor , que o menino estava sem sua faculdades mentais em ordem e por isso não pode ser responsabilizado pelo crime .

Caso seja e pegar uma pena de 4 anos ou menos poderá ser solto pela nova lei da Dilma e poderá mater quem quiser mais .
 
Sérgio Gonçalves em 02/07/2011 07:39:45
por isso que o BRASIL nao vai pra frente...
aonde que uma mae vai deixar uma filha casar com um menino de 17 anos... duas criança... so da nisso mesmo...
 
cristian de souza em 02/07/2011 04:29:42
É isso q da ao invés de arrumar um homem pega um muleque pra criar aí acaba nisso
 
Marcelo Silva em 01/07/2011 09:28:28
Parabens aos Policiais da Delegacia da Dra.Delegada da Deaij Vocês são uns heróis prendendo mais esse bandido marginal. Ainda bem que voc^des prenderam ele em pouco tempo. Muito obrigado é assim que precisamos da polícia, cada vez mais rápida, competente e parceira nossa.
 
mario correa da silva em 01/07/2011 08:55:18
As vezes é facil jugar uma pessoas,mas o ser humano tem que parar e pensar como era a vida deses adolecentes.Primeiro estudar o passado delas, acho,essa jovem já vinha sofrendo agrssões antes.Quero sim que o rapaz pague pelo o que fez mas e ela como vai ser sua vida,com seu filho será que vai conseguir pelos menos sair de casa?Ela é muito nova pra passar por tudo isso.Espero que consigua um tratamento pisicológico,pq como será sua vida daqui pra frente.
 
Elizabete Francisco Ribeiro em 01/07/2011 07:10:06
isso não se faz mesmo.. isso é uma brutalidade com todos os seres humanos..
tratar uma pessoa assim como animal que se usa e depois não aceita um fim de um relacionamento, todos devemos de estar preparados para um fim..
não cometer essa injustiça. melhoras para essa mulher..
que a vida dela apartir de agora mude mas para melhor!!
 
lindcy stephany ribeira da silva em 01/07/2011 05:02:28
Como se cadeia adiantasse alguma coisa... lá éé a escola para bandidos!! Entra um crimonoso e sai um EXPER DO CRIME!!! Tem que haver punição mais rigida!! hoje em dia ta muito mole os prezidios desse Brasil!!! Coloca para trabalhar de graça, preso com correntes nos pés, limpar ruas, colher lixo... Isso sim é uma lição de vida!!
 
Aline Fernandes em 01/07/2011 05:02:27
ele era tao bonzinho, tadinho....o pior cego e o que nao quer ver.
 
celia felipe em 01/07/2011 04:59:48
Ocorre que as pessoas querem responsabilizar o sistema judiciario em todas as esferas, quanto as regalias que os presos tem, e esquecem de que e aplicada a lei que nossos ilustres que governantes do legislativos criam e votam, a culpa não e dos juizes dos desembargadores e sim dos deputados, senadores e demais sangue sugas do sistema, da próxima vez tenham consciencia e votem certo, não vendam o voto e não sejam corruptos, pegando o dinheiro de um e votando em outro.
 
Luiz Araujo em 01/07/2011 04:49:45
Daqui alguns dias mais um bandido estará de volta a sociedade como se nada tivesse acontecido. Lei do nosso País!... Que um dia essa nossa justiça penalize gravemente os que cometem crime, independente de idade....
 
Nayane Morais em 01/07/2011 04:11:52
Tinha que ter cadeia para um vagabundo com este, isto é pior que um animal, tinha que apanhar todos os dias, comer comida de porcos e apodrecer na cadeia. Fico revoltado com esta lei brasileira e estes políticos que a defendem. Infelizmente vai comer e beber nas custas de quem paga os absurdos impostos, que são as pessoas de bens.
 
Claudiney Montani em 01/07/2011 02:28:41
Mas se ela esta com o bebe de um mes por mais que o nascimento da criança tenha sido por parto normal a vitima ainda se encontra em dieta como ela iria se pelo menos tentar se defender desse "genro bonzinho"? Que ele seje preso sem dó nem piedade. Quem sabe na cadeia ele reflita melhor com os novos integrantes de cela e talves sinta na pele o quanto ela sentiu de dor na hora do episódio.
 
daniely de oliveira em 01/07/2011 02:21:25
eles aproveitam porque são menores de idade maioridade penal de 16 anos já.
 
JOSE ROBERTO em 01/07/2011 01:22:55
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions