ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
MAIO, QUARTA  22    CAMPO GRANDE 24º

Capital

Maioria dos julgamentos de novembro são por feminicídios, aponta TJ

Ao todo, serão onze julgamentos, sendo a maioria por tentativa de feminicídio e feminicídio

Karine Alencar | 03/11/2022 15:21

Em Campo Grande, maioria dos julgamentos marcados na 2ª Vara do Tribunal do Júri em novembro, últimas sentenças do ano, são por tentativa de feminicídio e feminicídios que chocaram a população ao longo do ano.

Um deles é o assassinato de Eloísa Rodrigues de Oliveira, de 36 anos, morta pelo marido a golpes de facas na frente dos três filhos na casa onde morava no Bairro Parque do Lageado, na noite do dia 16 de março.

Quando o crime aconteceu, uma das filhas, de 5 anos, foi quem saiu na rua pedindo socorro. Logo em seguida, a mulher saiu ensanguentada da casa. Pouco antes, o autor fugiu do local.

A acusação apontou que o réu teria praticado o crime por motivo torpe, por não aceitar o término do relacionamento com a vítima e utilizou de recurso que dificultou a defesa da mulher. Ele senta no banco dos réus no dia 16 de novembro.

Eloísa Rodrigues e Fabiano Querino em foto de rede social. (Foto: Redes sociais)
Eloísa Rodrigues e Fabiano Querino em foto de rede social. (Foto: Redes sociais)

No dia 25 do mesmo mês, vai a júri Tamerson Ribeiro Lima de Souza, 31 anos, acusado de ter assassinado a esposa Natalin Nara Garcia de Freitas Maia, 22 anos, estrangulada até a morte pelo esposo. O crime aconteceu no Bairro Oliveira, em Campo Grande.

Na denúncia contra ele, consta que o réu agiu por motivo fútil. A filha do casal, de quatro anos, estava na residência durante o crime. O ex-militar é acusado ainda de ocultar o corpo de Natalin em um matagal, que só foi localizado dois dias depois. O julgamento será realizado pela 2ª Vara do Tribunal do Júri.

Vai a júri Tamerson Ribeiro, acusado de ter assassinado a esposa Natalin Nara Garcia. (Foto: Redes sociais)
Vai a júri Tamerson Ribeiro, acusado de ter assassinado a esposa Natalin Nara Garcia. (Foto: Redes sociais)


Nos siga no Google Notícias