A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

17/11/2011 17:25

Menina de 12 anos que estava com garota morta ao sair de boate vai para abrigo

Ana Paula Carvalho e Viviane Oliveira

A adolescente de 12 anos que estava no carro onde Leyciane Ribeiro Dias, de 17 anos, foi morta após sair da boate Chácara Maresia, no bairro Coophavila II foi encaminhada a um abrigo de Campo Grande.

Ela estava sob a guarda da avó e foi abrigada por estar em uma festa sem a companhia de um maior de idade. Com ela estava apenas outra menina que também era menor.

Nesta tarde, as duas estiveram na 6ª Delegacia de Polícia para prestar depoimento. De acordo com o delegado, Daniel da Silva, responsável pelas investigações, a outra adolescente também estava no veículo Gol branco, mas Rosangela da Silva, de 21 anos, afirma que apenas ela, Leyciane e a menina de 12 anos estavam no carro.

Além delas, outras pessoas serão ouvidas, mas ainda não há a identificação do autor dos disparos.

O caso - Aproximadamente às 03h, Leyciane e Rosângela pegaram carona com dois rapazes. No carro, também estava a garota de 12 anos. Eles estavam dentro do carro esperando na fila que se formou em frente a boate, quando motociclistas passaram atirando.

Um disparo acertou o braço esquerdo de Leyciane e transfixou o tórax da jovem. Ela chegou a ser levada ao posto de saúde do bairro Aero Rancho, mas já chegou à unidade de saúde sem vida.

Segundo uma amiga da adolescente, ela já havia sido ameaçada de morte por um homem na semana passada.



É desse jeito, menores vivem na rua durante a noite e o Conselho Tutelar que segundo dizem, é o órgão "responsavel" pela fiscalização de menores nada faz, quando um pai tenta educar seu filho ai eles aparece prendem o pai e levam o menor para uma abrigo, mas ninguém fiscaliza as boates onde sempre estão as menores.
 
Silverio Gomes Silva em 17/11/2011 07:37:22
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions