ACOMPANHE-NOS    
SETEMBRO, SEGUNDA  20    CAMPO GRANDE 38º

Capital

Motorista bêbado bate em moto, é perseguido por testemunha e preso em flagrante

Motocicleta foi arremessada a cerca de 58 metros do ponto de colisão, vítima foi socorrida pelos Bombeiros

Por Ana Oshiro e Maurício Ribeiro | 24/07/2021 07:11
Destroços da motocicleta continuam na Av. Júlio de Castilho na manhã deste sábado (Foto: Kisie Ainoã)
Destroços da motocicleta continuam na Av. Júlio de Castilho na manhã deste sábado (Foto: Kisie Ainoã)

Gilson Damazio dos Santos, de 42 anos, foi preso em flagrante na madrugada deste sábado (24) por dirigir embriagado, colidir o carro com uma motocicleta e fugir sem prestar socorro à vítima, uma mulher de 31 anos. O acidente e a prisão aconteceram no bairro Santo Antônio, em Campo Grande.

De acordo com o boletim de ocorrências, a motociclista estava em uma Honda Biz, parada no semáforo da avenida Júlio de Castilho com a avenida Manoel Ferreira, quando o Fiat Uno, conduzido por Gilson, bateu na traseira da moto.

Com a força da colisão, a motocileta foi arremessada cerca de 58 metros, Gilson fugiu do local sem prestar socorro, mas foi perseguido por uma testemunha do acidente e só parou quando perdeu o controle da direção e bateu em uma árvore, na rua São Bernardo.

Gilson foi abordado pela polícia e apresentava sinais visíveis de embriaguez, ele negou fazer o teste do bafômetro, mas foi preso em flagrante já que os policiais constataram a embriaguez pelo sinais de Gilson. Ele também teve a CNH (Carteira Nacional de Habilitação) recolhida.

A vítima foi socorrida pelo Corpo de Bombeiros, que foi acionado por outras testemunhas do acidente. Ela foi encaminhada para a UPA (Unidade de Pronto Atendimento) Coronel Antonino e o estado de saúde não foi divulgado.

Bocal para realizar teste do bafômetro ficou no chão da rua São Bernardo (Foto: Kisie Ainoã)
Bocal para realizar teste do bafômetro ficou no chão da rua São Bernardo (Foto: Kisie Ainoã)


Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário