A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

29/03/2011 09:42

Motorista fura o semáforo da Avenida Salgado Filho e provoca acidente

Paula Vitorino

Imprudência é apontada como causa de vários acidentes no mesmo local

Com o impacto, Fiat Uno atingiu caminhonete que estava estacionada. (Foto: João Garrigó)Com o impacto, Fiat Uno atingiu caminhonete que estava estacionada. (Foto: João Garrigó)

Uma colisão envolvendo dois veículos causou prejuízos a outras duas pessoas e tumultuou o trânsito no cruzamento da Avenida Salgado Filho e a Rua dos Barbosas, nesta manhã, em Campo Grande.

De acordo com testemunhas, o acidente aconteceu por volta das 8h, quando José Emerson de Oliveira, de 31 anos, condutor de um Fiat Uno, placas HQF-0444, furou o semáforo da via dos Barbosas e foi colhido pelo Gol, placas HRZ-5405, que seguia pela Salgado Filho.

Com o impacto, o Uno bateu na traseira de uma caminhonete que estava estacionada na via e o Gol atingiu a fachada de uma fábrica de móveis de ferro.

Uma das testemunhas é o mototaxista Luis Carlos Felício de Oliveira, de 42 anos, que seguia pela Rua dos Barbosas, sentido centro-bairro, logo atrás do Fiat Uno. De acordo com ele, o condutor José Emerson nem chegou a diminuir a velocidade para cruzar a avenida.

“Eu vinha meia quadra atrás do Uno e já percebi que o sinal estava fechado. Ele nem diminuiu nada, do jeito que veio ele entrou na avenida”, diz.

José Emerson e Gilson Pereira foram socorridos pelo Corpo de Bombeiros e levados para a unidade de saúde do bairro Guanandi. O estado das vítimas não seria grave.

Imprudência - Segundo o mototaxista Luis Carlos, que passa diariamente pelo cruzamento onde aconteceu o acidente nesta manhã, o local é perigoso e muitos motoristas não respeitam.

“Quando o sinal da Salgado Filho todo mundo passa correndo para dar tempo. As pessoas não tem cuidado”, alerta.

A proprietária da fábrica de móveis atingida pelo Gol também reclama da imprudência dos motoristas no local. De acordo com Lucimar José da Silva, de 42 anos, a fábrica já foi atingida várias vezes por carros.

“Toda semana é um acidente aqui, inclusive há uns cinco anos morreu uma pessoa prensada na parede daqui, depois de ser atingida por um veículo desgovernado”, afirma.

Lucimar ressalta que o cruzamento é sinalizado, mas mesmo assim os condutores não respeitam.

“Só pode ser imprudência. Não é possível que um lugar que tem sinalização tenha acidente direto. Freqüentemente sobe carro na minha calçada. Já mandei coloca uns tocos de madeira na frente, mas os acidentes foram arrancando e hoje não tem mais nenhum”, alerta.

Abstenção em concurso da Câmara Municipal da Capital passa dos 30%
O domingo (17) foi de provas para milhares de campo-grandenses, tanto na manhã como no período da tarde, no concurso da Câmara Municipal, que segundo...
Com forte dores, mulher reclama de falta de atendimento em UPA
Mesmo apresentando fortes dores e inchaço na região do estômago, sem conseguir comer a três dias, uma mulher que procurou atendimento na UPA (Unidade...
Problema rotineiro, chuva causa alagamentos no bairro Cidade Morena
A chuva que atingiu Campo Grande no fim da tarde deste domingo (17) causou vários problemas à população, desde alagamentos a problemas estruturais em...


É sempre a mesma coisa, dezenas de acidentes causados por motoristas que não respeitam os semáforos. Apesar disso, não se vê um único guarda fiscalizando esse tipo de infração e os "pardais" são raros. Será que se o prefeito ou o governador perdessem um ente querido, vítima de um desses irresponsáveis, levariam a sério a questão?
 
Luiz Pereira em 29/03/2011 10:40:33
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions