A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

10/09/2016 08:37

No desespero, vítima até ajuda ladrão, mas agora só pensa em mudar rotina

Julia Kaifanny
Para se proteger, a mulher pretende fechas o estabelecimento mais cedo. (Foto: Fernando Antunes)Para se proteger, a mulher pretende fechas o estabelecimento mais cedo. (Foto: Fernando Antunes)

Depois de passar momentos de medo e insegurança durante assalto na noite de quinta-feira (8), a proprietária do mercado que foi alvo de bandidos no Bairro Jardim Itatiaia, região do Tiradentes, ficando sob a mira de um revólver, afirma que vai mudar a rotina em busca de mais segurança. No desespero, durante o roubo ela até ajudou um dos ladrões, na tentativa de que ele fosse embora o mais rápido possível.

A empresária de 40 anos abriu o mercado há quatro e nunca havia passado pela situação. Ela conta que um dos assaltantes quebrou o telefone para que ela não pudesse pedir ajuda e, vendo que em caixa não havia muito dinheiro, começou a bagunçar tudo procurando coisas de valor.

“Na hora do susto, até sacolas para ele colocar objetos e dinheiro roubado eu ofereci, só queria que eles fossem embora logo, quando eles saíram a sensação foi de alivio”. Descreve a mulher.

Ela diz que não imaginava passar por isso, apesar do histórico de assaltos no bairro. “A gente nunca espera que coisas assim aconteçam, agora pretendo mudar minha rotina e passar a fechar o mercado mais cedo, talvez não adiante muito, mas não tenho condições de pagar segurança particular” finaliza.

Durante a ação dos bandido dois funcionários e quatro clientes também estavam no local. Dois celulares e uma quantia de dinheiro, que a empresária não sabe especificar foram levados, além de duas peças de carne, chicletes e refrigerantes.

A polícia conseguiu identificar um dos assaltantes, após depoimento da vitima. Gean Blendão Pereira Rodrigues, 19 anos tem uma tatuagem na mão, detalhe que facilitou o reconhecimento. 

A policia foi até a casa de Gean e encontrou os objetos roubados, ao perceber que haviam viaturas na casa ele tentou correr e após troca de tiros com os policiais Gean se escondeu em uma mata e não foi encontrado. Na casa foram recuperados 208 reais e uma celular.

De acordo com a Sejusp (Secretaria do Estado de Justiça e Segurança Pública), desde o primeiro dia deste mês, até hoje foram registrados 154 crimes de roubos em Campo Grande. Isso significa que cerca de 17 crimes dessa natureza acontecem diariamente.

Polícia troca tiros com suspeito de assaltar mercado no Jardim Itatiaia
Policial civil trocou tiros com suspeito de participar na noite de ontem (9), de um assalto a um supermercado, localizado na rua Teixeira da Silva, n...
“Vocês vão morrer”, diz dupla durante assalto a mercado no Coophavila II
Proprietário de um mercado e seus clientes viveram momentos de terror durante um assalto na tarde desta terça-feira (30), por volta das 13h30, na Rua...
Jovem é presa por assalto a mercado no bairro Silvia Regina
De acordo com a PM, ela e mais dois homens roubaram dinheiro e carro do comércioAna Paula Vergilio dos Santos, 22 anos, foi presa na tarde dessa sex...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions