ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
JULHO, SÁBADO  13    CAMPO GRANDE 

Capital

Para reforma, ponte sobre o córrego Ceroula é interditada por 30 dias

Durante a realização do serviço, usuários da estrada municipal CG-222 terão de usar rota artenativa

Por Geniffer Valeriano | 17/06/2024 16:29

Após inúmeros reclamações sobre o deterioramento da ponte de madeira sob o córrego Ceroula é interditada para ser reformada. O Campo Grande News vem registrando o descontentamento dos moradores desde dezembro de 2023. O local é usado para trânsito de veículos pesados.

Através da Sisep (Secretaria Municipal de Infraestrutura e Serviços Públicos), a Prefeitura de Campo Grande informou que a reforma iniciou nesta segunda-feira (17). Durante o período dos trabalhos, os usuários da estrada municipal CG-222 precisarão usar um caminho alternativo, um percurso que possui cerca de 20 km.

Equipes realizam reforma em ponte (Foto: Dovulgação)
Equipes realizam reforma em ponte (Foto: Dovulgação)

O secretário municipal de Infraestrutura e Serviços Públicos, Marcelo Miglioli afirma que a Sisep tem realizado manutenção de vias rurais, reformas de pontes de madeira e construção de pontes de concreto. Na semana passada, as obras foram iniciadas nas pontes sobre o córrego Guariroba, na CG-180, e na CG-488, sobre o córrego Ribeirão Cachoeira.

“A empresa Andrade Construções Ltda venceu a licitação para, durante 12 meses, fazer a manutenção e reforma das pontes de madeira nas estradas municipais de Campo Grande. O valor do contrato é de R$ 3.547.489,82, válido por 12 meses. A empresa fica responsável pela mão de obra e matéria-prima e o pagamento será feito a cada serviço executado, após vistoria e aprovação da Sisep”, encerra a nota.

Trecho deteriorado da ponte sobre o Córrego Ceroula, antes da reforma (Foto: Direto das Ruas)
Trecho deteriorado da ponte sobre o Córrego Ceroula, antes da reforma (Foto: Direto das Ruas)

Receba as principais notícias do Estado pelo Whats. Clique aqui para acessar o canal do Campo Grande News e siga nossas redes sociais.

Nos siga no Google Notícias