A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

12/06/2015 16:42

Parque Ayrton Senna deve ficar fechado por, no minímo, dez dias

A situação prejudica cerca de 2 mil pessoas que frequentam o espaço diariamente

Michel Faustino
Previsão é de que projeto de reestruturação seja encaminhado para o Corpo de Bombeiros na próxima semana. (Foto: Fernando Antunes)Previsão é de que projeto de reestruturação seja encaminhado para o Corpo de Bombeiros na próxima semana. (Foto: Fernando Antunes)

O Parque Ayrton Senna, localizado no Bairro Aero Rancho, em Campo Grande, deve permanecer fechado por no minimo dez dias, segundo a Funesp (Fundação Municipal de Esporte). O espaço foi interditado nesta quinta-feira (11) pelo Corpo de Bombeiros por conta de irregularidades.

De acordo com o coordenador de parques e áreas verdes da Funesp, Wilson Benedito Guedes, um projeto, que prevê a reestruração e adequação do parque já estava sendo elaborado desde o inicio do ano, no entanto, não teve andamento por questões burocráticas. O projeto prevê a inclusão de dispositivos de segurança, entre eles, a disposição de rotas de fuga, implantação de brigada de incêndio, instalação de hidrantes e boia salva vidas nas piscinas.

Segundo Guedes, o projeto deve ser encaminhado até a próxima quarta-feira (17) ao Corpo de Bombeiros, e por sua vez, dependerá de disponibilidade de execução da secretaria de Obras.

Conforme o coordenador, todo este processo deve durar no minimo dez dias, tendo em vista que a reestruturação precisa ser autorizada pela prefeitura, e posteriormente o parque deverá passar por nova vistoria do Corpo de Bombeiros, que deve autorizar ou não a reabertura ao público.

Enquanto isso, as cerca de 2 mil pessoas que frequentam o parque diariamente estão sem opção.

É o caso da dona de casa Rosa Aparecida de Almeida, 53 anos, que frequenta às aulas de hidroginástica, ministradas gratuitamente de terça a sexta-feira, em três períodos.

“Eu ia lá direto porque preciso fazer. E é muito bom que é uma opção pra quem não tem condições de pagar uma acadêmia. Infelizmente acontece isso. Agora, esperamos que resolvam o mais rápido possível, até porque tem muita gente que faz atividade aqui”, comentou.

No parque, também são oferecidas aulas gratuitas de: Natação, Atletismo, Basquete, Futsal e Vôlei, entre outras modalidades.

Problemas - O coronel do Corpo de Bombeiros Jairo Shoitiro Kamimura explica que a prefeitura tem um prazo de 30 dias para encaminhar o projeto de readequação e a partir daí uma nova vistoria deve ser realizada. Caso as irregularidades continuem, um novo processo de interdição é expedido.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions