A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

11/04/2014 16:50

Polícia apreende os três acusados de estuprar aluno de 10 anos em escola

Edivaldo Bitencourt e Filipe Prado
Delegada explica que meninos ainda continuam sob investigação (Foto: Marcelo Victor)Delegada explica que meninos ainda continuam sob investigação (Foto: Marcelo Victor)

A Justiça determinou e a Polícia Civil apreendeu, no início da tarde de hoje, os três adolescentes acusados de abusar de um estudante de 10 anos na Escola Municipal Consulesa Margarida Maksoud Trad, no Bairro Estrela Dalva, em Campo Grande. Os garotos de 13, 14 e 15 anos vão responder por estupro de vulnerável e serão encaminhados ainda hoje para a Unei (Unidade Educacional de Internação).

Segundo a delegada adjunta da Deaij (Delegacia de Atendimento à Infância e Juventude), Aline Sinott Lopes, dois meninos foram apreendidos em casa e o terceiro se apresentou na unidade. O último chegou acompanhado da mãe, que estava chorando muito e bastante abalada com a apreensão do filho.

Conforme a Polícia, o exame de corpo delito confirmou o estupro do garoto de 10 anos. No entanto, as investigações, a princípio, descartaram que o abuso tenha ocorrido há dois anos. Para a delegada, a vítima, pela idade, não tem muita noção do tempo.

Ela informou que o garoto de 13 anos estuprava o menino, com relação sexual. O outro de 14 anos segurava o estudante e o terceiro envolvido ficava de vigia na porta do banheiro.

Aline contou também que está investigando há quanto tempo eles praticavam o estupro na criança.

Um professor da escola municipal também será investigado. Ele é acusado de cometer assédio moral nos estudantes. Outra denúncia é de que a menino ficava trancado dentro do banheiro.

O caso chocou pais e mães de estudantes da escola, uma das maiores da região. A Secretaria Municipal de Educação também abriu sindicância para apurar o caso e vem prestando apoio psicológico para a vítima.

Laudo aponta "ferimento recente" e Polícia busca saber tempo de abusos
Com o laudo pericial que aponta “ferimento recente” no menino de 10 anos, que informou ter sido abusado por colegas da escola, em Campo Grande, a Pol...
Educação se compromete a oferecer atendimento psicológico à vítima de estupro
O menino de 10 anos que sofreu abusos sexuais, durante dois anos, na Escola Municipal Consulesa Margarida Maksoud Trad, em Campo Grande, receberá ate...


Agora esses lixos vão virar mulherzinha lá na casa de guarda, tem que acabar com esse negócio de maior idade de 18 anos, com 12 anos já sabe o que faz, tem que meter esses monstros na cadeia e jogar a chave fora,
 
João Nelson de Oliveira em 11/04/2014 17:40:06
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions