ACOMPANHE-NOS    
AGOSTO, TERÇA  03    CAMPO GRANDE 20º

Capital

Polícia investiga “loira e alta” que se passa por motorista para aplicar golpe

Caso aconteceu ontem, no Centro de Campo Grande, no cruzamento das ruas 14 de Julho com a Antônio Maria Coelho

Por Viviane Oliveira | 16/06/2021 12:10
O caso foi registrado na Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário do Centro (Foto: Henrique Kawaminami)
O caso foi registrado na Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário do Centro (Foto: Henrique Kawaminami)

A Polícia Civil investiga uma mulher “loira e alta” que se passa por motorista de aplicativo para aplicar golpes. Ontem, o fato aconteceu com uma vítima de 49 anos que perdeu R$ 200 ao aceitar corrida com a estelionatária.

Conforme boletim de ocorrência, a vítima contou que por volta das 14h, após fazer compras no Centro de Campo Grande, solicitou um motorista de aplicativo. Enquanto aguardava no cruzamento das ruas 14 de Julho com a Antônio Maria Coelho, ela foi abordada por uma mulher “alta e loira”, de vestido longo, dentro de um carro, de cor prata, se oferecendo para fazer a corrida.

A vítima, então, entrou no veículo, a golpista pegou o celular dela e cancelou a corrida, que havia acabado de ser solicitada pelo aplicativo. Ao chegar ao destino, na Rua Alegrete, no Bairro Monte Castelo, a motorista informou que havia dado R$ 8. A mulher então pagou com o cartão de débito.

Ela só percebeu o golpe quando chegou em casa e recebeu mensagem no celular informando que havia sido debitado de sua conta R$ 200. À polícia, a vítima disse que a mulher se identifica como Cris. Ela não soube dizer o modelo do carro, nem o número da placa. Só disse que no local onde embarcou há câmeras de monitoramento e as imagens poderão ajudar a polícia durante a investigação. O caso foi registrado na Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) do Centro.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário