ACOMPANHE-NOS    
JULHO, SEGUNDA  26    CAMPO GRANDE 31º

Capital

Homem é preso por estupro e ataques a mulheres

Homem foi encontrado em obra abandonada a cerca de 2 km do local do estupro e, segundo a PM, confessou o crime

Por Geisy Garnes e Ana Oshiro | 24/06/2021 10:43
Homem capturado pela Polícia Militar na manhã de hoje. (Foto: Marcos Maluf)
Homem capturado pela Polícia Militar na manhã de hoje. (Foto: Marcos Maluf)

Homem de 36 anos foi preso há pouco em uma obra abandonada no Jardim Anache, em Campo Grande. Segundo a polícia, não há dúvidas que se trata do responsável pelo estupro de uma mulher e o ataque contra outra, no Bairro Vida Nova, na noite de ontem.

O suspeito estava a cerca de 2 quilômetros do local dos ataques, escondido no interior do prédio, quando foi avistado por equipes da força-tarefa montada para a captura. Usava calça jeans, camiseta polo e tinha sinais evidentes de embriaguez.

Com ele, foi encontrado com um casaco, boné e uma faca, que ajudaram na identificação. Segundo a Polícia Militar, ao ser questionado, ele confessou os crimes.

Policial no alto do prédio, durante buscas ao estuprador. (Foto: Marcos Maluf)
Policial no alto do prédio, durante buscas ao estuprador. (Foto: Marcos Maluf)

Operação - Polícia Militar e Polícia Civil montaram força-tarefa para caçar o suspeito dos dois ataques a mulher do Bairro Vida Nova, região norte de Campo Grande, na noite desta quarta-feira (23). Uma delas foi mantida trancada em casa durante toda a madrugada, enquanto era estuprada e espancada pelo homem.

Após denúncia dos dois casos, todas as equipes do pelotão Nova Lima, que soma cerca de 15 militares da 11º CIPM (Companhia Independente da Polícia Militar), uma equipe do setor de Inteligência da Polícia Militar e duas do SIG (Setor de Investigações Gerais) da Deam (Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher), se mobilizaram para as buscas ao suspeito na região.

Segundo o tenente Roberto Mesa, responsável pela força-tarefa, com ajuda de testemunhas as equipes conseguiram informações importantes para ajudar na localização do bandido.

Suspeito foi capturado em obra abandonada da prefeitura. (Foto: Marcos Maluf)
Suspeito foi capturado em obra abandonada da prefeitura. (Foto: Marcos Maluf)

A equipe de reportagem do Campo Grande News acompanhou as buscas pelas ruas do bairro. Os policiais vistoriam terrenos baldios e abordam homens com características semelhantes ao suspeito e acabaram encontrando o homem na avenida Dr. Nasri Siufi.

O caso é investigado pela Deam. Segundo a delegada Sueli Araújo Lima Rocha as buscas foram reforçadas na tentativa de prender o autor ainda em flagrante. Conforme a responsável pela apuração dos ataques, a cena encontrada na casa da vítima mostra um crime violento. “Muito sangue na cama, uma situação bem grave”.

Logo depois do caso vir à tona, outra mulher procurou a polícia com ferimentos no pescoço. Ela contou que ontem foi pega pelo mesmo homem, que usava uma faca. Ela só escapou do bandido porque avistou o guarda municipal que cuidava de uma escola na região e o homem saiu correndo.

Até o momento a polícia acredita que os alvos do bandido são mulheres aparentemente “vulneráveis”. “Ele busca as vítimas que estão mais vulneráveis. Mostra um modo de covardia, atacar aquele que é mais fraco”, afirma. A polícia ainda trabalha com agressor atacado outras mulheres.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário