ACOMPANHE-NOS    
JULHO, SEGUNDA  04    CAMPO GRANDE 21º

Capital

Travesti atingida por sete facadas após discussão morre na Santa Casa

Por Filipe Prado | 10/07/2015 11:32

A travesti de 25 anos, ferida a facadas durante a noite de ontem (9), na Vila Progresso, morreu na madrugada desta sexta-feira (10). Ela foi atingida por sete facadas após de discutir com colegas, que também realizam programa na região.

Conforme a assessoria de imprensa da Santa Casa, ela morreu por volta da 00h e, até o momento, a travesti foi identificada somente pelo nome de registro, Flávio da Silva Correia. O corpo será transferido para o IMOL (Instituto de Medicina e Odontologia Legal) ainda esta tarde.

Após a discussão, a travesti foi atingida pelas facadas no tórax, lombar e cabeça. Uma mulher, que a acompanhou até a Santa Casa, apontou que não estava no local no momento dos fatos, porém relatou que uma testemunha alegou que ela brigou com algumas companheiras, mas não sabe quem foi o autor das facadas.

A travesti foi encaminhada pelo Corpo de Bombeiros para a Santa Casa. A Polícia Militar foi até o hospital, mas ela estava anestesiada e não conseguiu maiores informações sobre o caso. Até o momento o autor não foi identificado.

Nos siga no Google Notícias