A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

20/02/2008 10:23

Com diploma falso, servidores fizeram até pós-graduação

Redação

Não bastasse terem comprado os diplomas de graduação, segundo inquérito concluído este mês pela Polícia Federal, parte dos 23 funcionários da Agepen (Agência de Administração do Sistema Penitenciário de Mato Grosso do Sul) acusados de usar esse expediente para conseguir enquadrar-se na lei, e com isso assegurar salários até 40% maiores, também ainda usou o documento irregular para inscrever-se em cursos de pós-graduação, e, mais uma vez, ampliar os vencimentos.

O Campo Grande News apurou que parte dos denunciados fez ou está fazendo um curso de especialização intitulado

Indenizações por morte no trânsito crescem 24% em relação a 2016
O número de indenizações pagas pelo Seguro de Danos Pessoais Causados por Veículos Automotores de Via Terrestre (Seguro Dpvat) entre janeiro e novemb...
ANS regulamenta novas regras de compartilhamento para planos de saúde
A Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) publicou duas resoluções normativas na tentativa de dar mais segurança e estabilidade ao mercado de pla...
UFMS recebe inscrições para vários cursos no Vestibular 2018
A UFMS (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul) segue com inscrições abertas para o Vestibular 2018, que selecionará alunos para cursos de gradua...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions