A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

27/01/2014 14:12

Dois municípios do interior estão com alta incidência de dengue neste verão

Viviane Oliveira
Foto tirada em um bairro de Campo Grande. Mato alto e sujeira tomam conta de terrenos vazios. (Foto: Marcos Erminio)Foto tirada em um bairro de Campo Grande. Mato alto e sujeira tomam conta de terrenos vazios. (Foto: Marcos Erminio)

O município de Rio Negro está com alta incidência de casos de dengue e a cidade de Bodoquena em alerta, conforme dados da Secretaria de Estado de Saúde. No último relatório, do dia 12 a 18 de janeiro, foram notificados 152 casos suspeitos.

Com uma população de 4.989, Rio Negro teve 26 casos notificados. “Já fizemos reunião com a secretaria de saúde dos municípios para que sejam desencadeadas ações”, diz A diretora geral de Vigilância em Saúde do Estado, Bernadete Gomes Lewandowski.

Ainda conforme a diretora, também foi enviado um carro para Rio Negro para ajudar no combate do mosquito Aedes aegypti, transmissor da dengue. O Governo Federal aponta três níveis de incidência de dengue, sendo o nível baixo, até 100 casos por 100 mil habitantes, o médio, de 101 a 300 casos, e o alto índice, acima de 300.

Conforme o boletim, em Dourados tem um paciente com suspeita da doença, três pessoas com suspeita de dengue clássica em Três Lagoas e um paciente em Corumbá. Situação de caso grave, conforme a planilha, ainda não teve.

Na quarta-feira (29), deve ser divulgado pela Secretária de Saúde do Estado um novo boletim epidemiológico. Em 2013, a dengue matou 31 pessoas no Estado. Em Campo Grande, já foram notificados 283 casos. 



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions