A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 19 de Outubro de 2018

25/05/2010 13:24

Dona de asilo interditado pretende reabri-lo em 15 dias

Redação

A proprietária da Pousada Vitória, que foi fechada ontem pela Vigilância Sanitária municipal, pretende reabrir o estabelecimento em 15 dias, após conseguir o licenciamento sanitário expedido pela prefeitura. Flávia Santos da Silva disse ao Campo Grande News que solicitou mais prazo para evitar a interdição.

"O prazo de 24 horas é muito pouco, pois alguns idosos têm família em outra cidade e não puderam retirá-lo até hoje. Fui até a vigilância e pedi mais 24 horas para que todos possam ser encaminhados às suas famílias com segurança", disse Flávia.

Ontem, durante ação da Vigilância e da Decon (Delegacia Especializada Repreensão aos Crimes Contra as Relações de Consumo), havia 16 idosos na pousada e no começo da tarde uma senhora ainda permanecia no local. "A família dela é de Terenos e disse que não pode busca-la por enquanto. Eu não pretendo mandar a idosa para o asilo, por isso preciso de mais prazo", complementou a proprietária.

Flávia contou que conseguiu hoje pela manhã o alvará de funcionamento emitido pelo Corpo de Bombeiros, que avalia os itens de segurança e de combate à incêndios. O próximo passo é conseguir a licença de funcionamento emitida pela Vigilância. "Isso demora em média 15 dias, mas pretendo reabrir sim, até porque algumas famílias ficaram indignadas com a interdição. Aqui lidamos com seres humanos, não dá para ficar 'jogando' os idosos de lá pra cá", falou a responsável.

Um homem de nome Luiz é um dos que defendem a reabertura do asilo. "Meu pai tem 97 anos e sempre foi muito bem tratado. Aqui tem pessoas que mal conseguem comer. O prazo de 24 horas realmente foi muito curto", comentou.

Tânia Carla Micnov, chefe de Fiscalização de Estabelecimentos de Saúde da Sesau (Secretaria Municipal de Saúde Pública) explicou que a pousada será lacrada por não estar legalizada, mas que pode ser reaberta. "Somente com a documentação completa é possível voltar a funcionar. A responsável terá que apresentar o projeto arquitetônico, passar pelas verificações e então retornar com o atendimento".

A responsável pela Pousada Vitória complementa dizendo que ao menos oito dos 16 idosos que estavam ontem no local devem retornar.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions