A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

31/10/2012 10:01

Em Porto Murtinho, calor chegou a 34ºC durante a noite

Paula Maciulevicius
Em Porto Murtinho, à beira do Rio Paraguai, noite de ontem teve temperatura de 34 graus. (Fotos: João Garrigó/arquivo)Em Porto Murtinho, à beira do Rio Paraguai, noite de ontem teve temperatura de 34 graus. (Fotos: João Garrigó/arquivo)

As altas temperaturas não dão trégua nem quando a noite chega. Se engana quem acha que o sol se escondendo a lua vai trazer um frescor para amenizar. Nas casas, os ventiladores e ar condicionados já estão pedindo arrego. O tereré já virou acessório indispensável e a sensação do sul-mato-grossense é de estar abraçando o sol. Um calor que ninguém quer sentir e que parece mais intenso a cada ano que passa.

Mas se o campo-grandense estava reclamando, é porque não sentiu na pele o peso e o calor de ser a terceira cidade mais quente do País. Ontem, às 20h, isso mesmo, às 8h da noite, Porto Murtinho fez 34,3°C, só perdendo, ou ganhando, dependendo do ponto de vista, para Bom Jesus do Piauí que fez 36,8°C e Pinenópolis em Goiás, com 34,8°C.

Ser a terceira cidade mais quente da noite não bastou. Hoje pela manhã, Porto Murtinho continua no podium e com medalha de bronze. É preciso tirar o chapéu para quem mora, trabalha e vive no lugar que já bate os 34°C às 9h da manhã.

Um comparativo do Inmet (Instituto Nacional de Meteorologia) põe abaixo o discurso de que Cuiabá tem o calor mais intenso do País. Ontem, também às 20h, enquanto Mato Grosso do Sul tinha 34,3°C, o estado vizinho, muitas vezes confundido em um só, marcava 32,8°. A pequena variação de 1,5°C, neste caso, faz uma grande e quente diferença.

Mas para quem não acredita que era possível um calor maior do que feito dentro de casa, atrás de Porto Murtinho, a noite foi muito quente também em Corumbá, Paranaíba e Ivinhema. A mínima aí foi de 30,7°C, na cidade ao Sul do Estado.

Por curiosidade, o meteorologista Natálio Abrahão levantou entre as cidades potencialmente mais quentes, onde as temperaturas bateram recorde. Durante a tarde, o prêmio foi pra Cidade Branca. Corumbá marcou nada menos que 42,8°C, deixando Palmas no Tocantins, Montes Claros em Minas Gerais, Rio Verde de Goiás e Cuiabá no chinelo.

Se o calor desperta a criatividade do sul-mato-grossense, tem campo-grandense com faca e queijo na mão. O ponto para tirar lucro do derretimento alheio é o cruzamento das ruas Rui Barbosa e Barão do Rio Branco, que entre as 14h e 15h é o local mais quente da cidade.

Carrinhos de picolé e sorvete, água mineral, de coco, refrigerante e quem derá um jato d’água à postos, porque a semana deve continuar pegando fogo.

Hoje deve fazer 40°C em Corumbá, Porto Murtinho, Bonito, Coxim, Três Lagoas, Brasilândia. Na Capital, a máxima prevista é de 37°C.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions