A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

07/06/2011 23:50

Gleisi Hoffmann diz que vai dar prioridade à gestão na Casa Civil

Mariana Jungmann, da Agência Brasil

A senadora Gleisi Hoffmann foi convidada para assumir a Casa Civil da Presidência da República com a tarefa de priorizar a gestão dos projetos do governo. Em primeira entrevista coletiva, agora à noite, ela disse que a presidenta Dilma Rousseff falou que a escolheu porque ela preenche esse perfil.

“A presidenta Dilma quer o funcionamento da Casa Civil voltado à área de gestão e ao acompanhamento de projetos e processos. Tive a oportunidade de trabalhar com ela em vários projetos quando fui diretora financeira de Itaipu. Ela era ministra de Minas e Energia. A presidenta disse que o meu perfil é o que ela quer na Casa Civil”, disse Gleisi.

A nova ministra lamentou a saída de Antonio Palocci do cargo e defendeu o ex-ministro das acusações de tráfico de influência e enriquecimento ilícito. “Para nós também é um momento triste. Nós sabemos do relatório da Procuradoria-Geral da República, que colocou de maneira clara a situação do ministro, que não há nenhum problema. É uma pena. É um companheiro de partido e de caminhada.”

Gleisi foi diretora financeira de Itaipu Binacional por quatro anos e trabalhou na transição do primeiro governo do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Naquela oportunidade, conheceu a ministra do Planejamento, Miriam Belchior, e a a presidenta Dilma Rousseff, que assumiu em seguida o Ministério de Minas e Energia. Ela é advogada e foi eleita no ano passado para seu primeiro mandato eletivo, como a primeira senadora do Paraná. No PT, faz parte da corrente “Construindo um Novo Brasil”.

A nova ministra da Casa Civil deverá ser substituída no Senado por Sérgio Sousa (PMDB-PR).



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions