A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

15/07/2010 17:15

Homem que morreu em Maracaju usava nome falso

Redação

O homem que morreu na tarde de ontem em Maracaju depois de cair de uma altura de 24 metros em uma usina de Maracaju usava nome falso e estava foragido da justiça de Goiás. O acidente aconteceu em um secador de algodão e a vítima usava os documentos do irmão.

Segundo o Dourados News, Genival Pereira da Silva, de 35 anos, usava os documentos do irmão Eldo Pereira da Silva, de 32 anos e era foragido do presídio de Morrinhos, município do interior goiano.

Ele é acusado de latrocínio (roubo seguido de morte). Policiais civis recolheram impressões digitais da vítima e devolveram o corpo para a família.

A esposa de Genival disse nunca ter desconfiado da falsa identidade do marido. Ela contou que conheceu o esposo logo que ele chegou a Dourados e que não sabia do passado do marido.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions