A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

23/07/2010 07:03

Homicídios caem 34%, mas violência doméstica aumenta

Redação

O balanço da Sejusp (Secretaria de Justiça e Segurança Pública) divulgado nesta sexta-feira apontam que no segundo trimestre deste ano o número de pessoas assassinadas em Campo Grande foi reduzido em um terço em relação ao mesmo período do ano passado, mas os casos de mortes resultantes de violência doméstica preocupam.

De abril a junho deste ano, ocorreram 25 assassinatos na Capital, três deles casos de violência doméstica. Um caso recente, ainda não computado nesta estatística, é a morte da arquiteta Eliane Nogueira, de 39 anos. Na madrugada do dia 2 de julho ela foi estrangulada e queimada quando ainda estava viva. O suspeito do crime é o marido dela, Luiz Afonso de Andrade, que foi preso em flagrante.

No segundo trimestre do ano passado o número de assassinatos foi bem maior

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions