A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

12/02/2008 09:10

Índio de 16 anos se enforca na Bororó; 6º caso do ano

Redação

O guarani Nilson Romeiro Lopes, de 16 anos, foi encontrado enforcado na manhã desta terça-feira na aldeia Bororó, em Dourados. O que torna o caso ainda mais trágico é que o irmão dele, um rapaz de 21 anos, também suicidou em setembro do ano passado. Só este ano são seis casos de suicídio de índios: um em Amambai, dois em Dourados, dois em Tacuru e outro em Novo Horizonte do Sul.

Na avaliação do irmão mais velho de Nilson, Albino Romeiro, de 33 anos, o problema é o fácil acesso às bebidas alcoólicas. O suicídio entre índios é tratado como uma questão de saúde pública em Mato Grosso do Sul.

Conforme a Funasa, foram 42 casos no ano passado, a maior parte deles envolvendo jovens da etnia caiuá-guarani. A raiz do problema é a questão fundiária e as distorções sociais causadas pela proximidade entre as aldeias e a cidade, além do alcoolismo. Para enfrentar o problema a Fundação informa que está atuando com psicólogos nos pólos de Mato Grosso do Sul.

A Funasa informa que, de forma pioneira, contatou no ano passado quatro psicólogos para trabalhar a saúde mental dos índios. A Fundação reconhece que o número de profissionais é pequeno e, segundo o coordenador regional, Flávio Brito, a intenção é ter um psicólogo atendendo em cada um dos 13 pólos. (Com informações do Dourados News)

Câmara de Vereadores entrega meio milhão de reais em emendas parlamentares
A Câmara Municipal de Costa Rica, a 305 quilômetros de Campo Grande, realiza nesta segunda-feira (dia 11) três sessões, duas delas especiais. Às 14h ...
Município de Itaporã comemora 64 anos de emancipação neste domingo
Conhecido como Cidade do Peixe, Itaporã, distante 227 km de Campo Grande, comemora 64 anos de emancipação neste domingo (10). A prefeitura municipal ...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions