ACOMPANHE-NOS    
JANEIRO, SEXTA  28    CAMPO GRANDE 22º

Interior

Após anos com dor, idosa consegue na Justiça cirurgia de R$ 119 mil

Liminar foi conquistada através da Defensoria Pública durante o recesso forense

Por Ana Paula Chuva | 13/01/2022 12:37
Idosa apontando local onde sentia dores por conta da doença (Foto: Divulgação | Defensoria)
Idosa apontando local onde sentia dores por conta da doença (Foto: Divulgação | Defensoria)

Diagnosticada com coxartrose, doença que causa o desgaste na articulação da anca, e sofrendo de dores por anos, a idosa Loides Ribeiro, moradora de Nova Alvorada do Sul, cidade a 116 km de Campo Grande, conseguiu na Justiça liminar para realizar uma cirurgia de R$ 119 mil.

Através da Plataforma Virtual da Defensoria Pública do Estado, durante o recesso forense, Loides agendou o atendimento e relatou sofrer de dores crônicas e ainda ter restrição na mobilidade.

Segundo o defensor público Cássio Sanches Barbi, da comarca da Nova Alvorada do Sul, com o avanço da doença a idosa teve comprometimento articular no quadril direito e por isso precisava com urgência da artroplastia total com uso de prótese.

“Oficiamos a Secretaria Municipal de Saúde e em uma consulta com especialista pela Caravana do Mutirão da Ortopedia, a urgência se confirmou. Dessa forma, pedimos a concessão da tutela de urgência”, disse Cássio.

O Núcleo de Apoio Técnico do TJMS (Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul) deu parecer favórável para o pedido de liminar e então, Loide passou pela cirurgia no dia 28 de dezembro de 2021 e já está em casa se recuperando.

“Eu nem esperava fazer a cirurgia no mesmo ano. Agendamos o atendimento pela Plataforma Virtual e, logo depois de irmos à unidade, a Secretaria de Saúde entrou em contato em dezembro mesmo. O médico disse que a recuperação vai demorar uns 90 dias, mas eu já estou me locomovendo com a ajuda do andador. ”, contou Loides.

Ao todo a espera foi de 35 dias, após o agendamento do atendimento virtual.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário