ACOMPANHE-NOS    
JULHO, QUINTA  29    CAMPO GRANDE 

Interior

Assaltantes atiram em carro de policial e levam dinheiro na fronteira

Assalto ocorreu nesta segunda em Pedro Juan; dinheiro era de mercado de senador

Por Helio de Freitas, de Dourados | 29/03/2021 10:53
Policial assaltado (camiseta azul claro) ao lado de colegas (Foto: Marciano Candia/Última Hora)
Policial assaltado (camiseta azul claro) ao lado de colegas (Foto: Marciano Candia/Última Hora)

Um policial paraguaio e o gerente financeiro do Supermercado Arca foram assaltados nesta segunda-feira (29) em Pedro Juan Caballero, cidade paraguaia vizinha de Ponta Porã (MS), a 323 km de Campo Grande.

O carro em que eles estavam foi alvejado por três tiros e o policial levou coronhada na cabeça. O outro homem não sofreu ferimento. Montante em dinheiro e cheques foi levado, mas o valor não foi divulgado.

Pelo menos quatro bandidos participaram do roubo. Todos são brasileiros, segundo a polícia. Os assaltantes também levaram a arma do policial.

De acordo com informações apuradas pelo Campo Grande News, Miguel Romero integra o grupo de policiais responsável pela segurança do senador Abel Chiquito González, do Partido Liberal. O senador é dono do supermercado.

Por volta de 10h de hoje, Miguel Romero conduzia um carro sedan prata levando o funcionário do mercado com dinheiro e cheques que seriam depositados em um banco da cidade.

No centro da cidade, pelo menos quatro assaltantes de carro se aproximaram e dispararam três tiros na direção dos pneus do veículo do policial, para obrigá-lo a parar. Sob a mira de armas, Miguel teve de entregar sua pistola e ainda levou uma coronhada na cabeça. Em seguida os assaltantes fugiram levando o malote.

Homens da Polícia Nacional estão analisando imagens de câmeras de segurança para tentar identificar o carro e os assaltantes. A linha internacional entre Pedro Juan Caballero e Ponta Porã enfrenta onda de execuções e assaltos em plena luz do dia.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário