A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 20 de Setembro de 2017

23/08/2017 07:58

Comunidade protesta contra fim das eleições para diretor em escola

Ricardo Campos Jr.
Professores, pais de alunos e funcionários da escola participam de protesto nesta manhã (Foto: Direto das Ruas)Professores, pais de alunos e funcionários da escola participam de protesto nesta manhã (Foto: Direto das Ruas)
Polícia acompanha protesto, que transcorre pacificamente (Foto: Direto das Ruas)Polícia acompanha protesto, que transcorre pacificamente (Foto: Direto das Ruas)

Cerca de 200 pessoas entre pais, alunos e funcionários da Escola Municipal Carlos Chagas em Mundo Novo, a 476 quilômetros de Campo Grande, protestam na manhã desta segunda-feira (23) contra decisão que cancela as eleições para diretor e demite a atual gestora, Fabiana Paula Moreira Schulz, 45 anos.

O decreto, segundo os manifestantes, foi assinado pelo prefeito Valdomiro Brischiliari (PR) por volta das 17h de ontem, a partir do qual ele passará a escolher os ocupantes do cargo.

“Estou indignado, todos estão. Eu acho que com certeza ele [prefeito] quer colocar o povo dele”, diz o aposentado Ramão Castelo, 37 anos, que tem um filho e três sobrinhos matriculados no estabelecimento de ensino, o único da rede municipal.

As eleições em que Fabiana foi escolhida para gerenciar a escola com 98% dos votos foram em 2016 e valem até dezembro de 2018.

“Comunidade, alunos, pais, toda a equipe está indignada, não com a minha situação, mas em tirar os direitos da comunidade escolar em eleger o diretor. Se temos que eleger vereadores, prefeitos, governadores, por que não podemos escolher o diretor também? Não é uma coisa comigo, simplesmente não vai ter mais eleições”, diz Fabiana.

Ela é formada em pedagogia e história, disciplina que lecionava como concursada antes de passar para a gestão.

Fabiana diz que o protesto, além de mostrar a indignação da comunidade escolar, pede a presença de representantes do município ao local para discutir a situação. Há pouco um assessor do município informou ao grupo que a secretária de Educação vai atender ao pedido juntamente com a vice-prefeita Rosaria (PMB).

A manifestação transcorre de forma pacífica, embora uma equipe da PM (Polícia Militar) esteja acompanhando caso haja algum problema.

O Campo Grande News tentou contato com Valdomiro, mas o telefone dele cai na caixa de mensagens. A assessoria de imprensa da prefeitura informou que está elaborando uma nota oficial sobre o caso, mas adiantou que o gestor municipal entendeu que o cargo de diretor da única escola de Mundo Novo é de confiança, de forma que a decisão cabe a ele e não à comunidade escolar.

Além disso, o município esclarece que não foram anuladas as eleições do ano passado e Fabiana continuará cumprindo seu mandato até 2018.

Filha que encontrou idoso morto é a principal suspeita de cometer o crime
O Campo Grande News noticiou há dois dias que o idoso Adão Luis de Souza Xavier, 61, foi encontrado morto pela filha e pelo genro, em frente ao barra...
Homem é morto com quatro tiros por dupla em motocicleta
Homem de 51 anos foi assassinado com pelo menos quatro tiros, na noite desta terça-feira (19), por volta das 19h30, em frente a sua residência, local...
Analista do TJMS é denunciada por esquema de falsificação de documentos
Seis pessoas incluindo uma analista jurídica da 4ª Vara Cível do Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul foram denunciados pelo MPF (Ministério Púb...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions