ACOMPANHE-NOS    
JULHO, QUINTA  29    CAMPO GRANDE 

Interior

Empresário de MS é investigado por sonegar R$ 1 bilhão em impostos

Ele foi preso no Paraná, mas será transferido para Corumbá

Por Alana Portela | 17/03/2021 07:58
Registro feito por um drone que sobrevoou a fazenda onde o empresário estava. (Foto: Divulgação/Polícia Civil)
Registro feito por um drone que sobrevoou a fazenda onde o empresário estava. (Foto: Divulgação/Polícia Civil)

Um empresário paranaense de 60 anos foi preso durante Operação Expresso, que investiga sonegação de um R$ 1 bilhão em impostos. A prisão aconteceu ontem (16), em uma fazenda em Ladário, 419 quilômetros de Campo Grande.

A ação foi deflagrada pelo SIG (Setor de Investigação Geral) da Polícia Civil de Ladário, em operação conjunta com a Polícia Civil do Paraná.

A polícia fez um drone sobrevoar a fazenda localizada na região do APA (Área de Preservação Ambiental) Baía Negra, onde o proprietário de um grupo empresarial do ramo industrial de café em grãos do Paraná estava. Ele é suspeito de praticar sonegação de impostos e organização criminosa.

Já preso, o empresário será encaminhado para o Presídio de Corumbá, onde ficará à disposição da Justiça.

Expresso – A operação investiga a sonegação de R$ 1 bilhão em impostos. Até agora, foram expedidos 35 mandados de prisão temporária, 124 de busca e apreensão e 61 de apreensão de bens em 39 cidades dos estados do Paraná, Minas Gerais, São Paulo, Espírito Santo e também Mato Grosso do Sul.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário