ACOMPANHE-NOS    
JULHO, DOMINGO  12    CAMPO GRANDE 30º

Interior

Livre mesmo com pedido de prisão, homem tenta matar esposa grávida

A vítima já havia sofrido violência doméstica e tinha medida protetiva contra o autor

Por Viviane Oliveira | 03/06/2020 12:02
Manchas de sangue foram encontradas em um dos quartos da casa (Foto: Rádio Caçula) 
Manchas de sangue foram encontradas em um dos quartos da casa (Foto: Rádio Caçula)

Gestante de 4 meses, vítima de 21 anos foi esfaqueada no pescoço pelo marido de 24 anos com uma facada no pescoço na região da Véstia, na noite de ontem em Selvíria, distante 404 quilômetros de Campo Grande. O agressor tem várias passagens pela polícia por violência doméstica.

A vítima deu entrada Hospital Municipal da cidade acompanhada do agressor. Inicialmente, a versão dada aos enfermeiros era de que a mulher havia sofrido acidente de bicicleta. Porém, depois que o agressor foi embora, a vítima conseguiu contar à equipe de enfermagem que havia sido ferida pela marido e não contou a verdade por medo.

A jovem relatou que o marido passou a tarde consumindo bebida alcoólica. Com medo, pois vinha sofrendo agressões, escondeu todas as facas de dentro de casa. Situação que gerou uma discussão entre o casal depois que o agressor descobriu. O homem conseguiu se apoderar de uma das facas e atacou a mulher.

Prisão - Depois que a mulher contou a verdade, o hospital acionou a Polícia Militar, que em rondas pela região conseguiu encontrar o homem. A vítima já tinha medida protetiva contra o autor. Na semana passada, a Polícia Civil havia solicitado a prisão dele, mas a Justiça negou. O rapaz foi preso em flagrante e vai responder por tentativa de feminicídio, lesão corporal, fraude processual, constrangimento ilegal, descumprir medida judicial de medida protetiva, resistência e desacato.