A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

12/01/2016 12:33

Nível do Rio Aquidauana chega a 8,66 metros e 11 famílias são remanejadas

Liana Feitosa
Prefeito Japão (PMDB) reuniu representantes da Defesa Civil do município e do Estado para avaliar os danos causados pelas chuvas. (Foto: Buriti News MS)Prefeito Japão (PMDB) reuniu representantes da Defesa Civil do município e do Estado para avaliar os danos causados pelas chuvas. (Foto: Buriti News MS)

O Rio Aquidauana, que corta as cidades irmãs Anastácio e Aquidauana, a 135 quilômetros de Campo Grande, atingiu a marca de 8,66 metros no final da manhã desta terça-feira (12). Com isso, o nível está 5,66 metros acima do normal.

Os dados são da Defesa Civil da cidade. Segundo o coordenador da unidade, Mário Raváglia, ontem (11) de manhã o volume chegou aos 7,98 metros e a chuva atingiu 151 mm no acumulado desde o dia 1º deste mês.

Por causa da subida das águas, 11 famílias foram retiradas de áreas alagadas, o que representa mais de 20 pessoas afetadas.

Prevenção - A Secretaria Municipal de Saúde também atua e emprega ações junto às famílias. Segundo Raváglia, equipes de saúde visitam as famílias desalojadas dando orientações de saúde.

Além disso, crianças que não estão em dia com as vacinas recebem os medicamentos e, a Vigilância Sanitária, também visita os locais afetados, verificando as condições de saúde de animais domésticos. As medidas são tomadas para evitar a disseminação de doenças.

 

Prejuízos estão acima de 2,77% da receita corrente líquida anual do município, o que permite decreto de emergência. (Foto: Buriti News MS)Prejuízos estão acima de 2,77% da receita corrente líquida anual do município, o que permite decreto de emergência. (Foto: Buriti News MS)

Dois Irmãos - Na cidade de Dois Irmãos do Buriti, a 83 quilômetros da Capital, prefeito Wlademir de Souza Volk, o Japão (PMDB), reuniu representantes da Defesa Civil do município e do estado para avaliar os danos causados pelas chuvas intensas nas áreas rural e urbana da cidade.

Ele estuda decretar situação de emergência. Segundo monitoramento e dados do Fide (Formulário de Identificação dos Danos), ocorreram prejuízos econômicos públicos acima de 2,77% da receita corrente líquida anual do município, o que permite ao administrador municipal decretar a situação.

Contatos e locais foram disponibilizados caso a população de Dois Irmãos precise recorrer à Defesa Civil em situações de urgência:

- Famílias desabrigadas ou em risco na área urbana, apoio: Assistência Social - (67) 9962-2374
- Famílias desabrigadas ou em risco na área do Distrito de Palmeiras, apoio: Escola Municipal Nero Menezes de Ávila
- Obstrução de estradas nas áreas rurais: (67) 9962-2374
- Monitoramento e Operações da Coordenadoria Estadual da Defesa Civil: 0800 644 0199 (plantão 24h)
- Coordenadoria Municipal da Defesa Civil de Dois Irmãos do Buriti - (67) 9962-2374 e (67) 3243-1117



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions