A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 18 de Outubro de 2019

31/07/2018 20:21

Polícia ainda não encontrou garota que desapareceu após ser levada para o MT

Os agentes fizeram buscas por Rondonópolis, Guiratinga e Água Boa, mas todas sem sucesso.

Adriano Fernandes
O desaparecimento completou um mês nessa segunda-feira (30). (Foto: G1/MT) O desaparecimento completou um mês nessa segunda-feira (30). (Foto: G1/MT)

A Polícia Civil ainda não encontrou a pequena Mayza Valentina Mattos Camargo, de 6 anos, que foi levada da casa dos pais adotivos, em Bela Vista MS, supostamente para Rondonópolis, MT, pela mãe biológica dela, Gleice Mara Dias.

O desaparecimento completou um mês nessa segunda-feira (30), sem que a polícia tenha nenhuma pista sobre o paradeiro da criança. Conforme o portal G1 de Mato de Grosso os pais adotivos da garota, os servidores públicos João Gomes de Carvalho e Jane Mary Garcia Mattos Carvalho procuraram a Polícia Civil de Bela Vista para pedir o indiciamento da mãe de Maysa, do marido dela e da advogada que atuou no caso.

Os pais adotivos também foram surpreendidos por uma ação movida por Gleice na 1ª Vara da Família de Rondonópolis, onde pede à Justiça pela guarda provisória de Mayza. Eles também procuraram pela Promotoria de Justiça de Mato Grosso do Sul para pedir celeridade no caso.

Ao site, o delegado Regional de Rondonópolis, João Paulo de Andrade Farias, disse que a Polícia Civil de Mato Grosso não tem atribuição para apurar o caso e que os investigadores locais só têm dado apoio em diligências, como cumprimento de mandados de prisão e busca e apreensão que forem expedidos pela Comarca de Bela Vista.

O delegado também disse que a Polícia Civil de Bela Vista conseguiu um mandado de busca e apreensão e ordem precatória contra a mãe biológica e que as buscas já foram feitas em Rondonópolis, Guiratinga e Água Boa, todas sem sucesso.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions