ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
JUNHO, DOMINGO  23    CAMPO GRANDE 24º

Interior

Sem vacina na Bolívia, Corumbá está em alerta para casos de influenza

Município é o único que registrou óbitos pela doença este ano no Estado

Por Kamila Alcântara | 26/03/2024 14:08
Vacinação contra gripe já está sendo aplicada no município de Corumbá (Foto: Renê Marcio Carneiro/Prefeitura de Corumbá)
Vacinação contra gripe já está sendo aplicada no município de Corumbá (Foto: Renê Marcio Carneiro/Prefeitura de Corumbá)

A Bolívia já confirmou que não há imunizantes para conter aumento dos casos de influenza em Santa Cruz de La Sierra, o que preocupa as autoridades de saúde de Corumbá, a 428 km de Campo Grande. Além de fazer fronteira com livre circulação com o país vizinho, o município é o único com registros de óbito pela doença em Mato Grosso do Sul.

Durante coletiva de imprensa, repercutida pelo jornal Diário Corumbaense nesta terça-feira (26), o secretário de Departamento de Saúde da Bolívia, Ronny Kramer, disse que “não há vacina contra esta doença no departamento”. Com registro de um óbito e 437 casos confirmados, o pico da doença é Santa Cruz de la Sierra, a 650 km de Corumbá, mas já é motivo de atenção no território brasileiro.

“Mesmo a vigilância epidemiológica da Bolívia dizendo que não há casos suspeitos de síndromes respiratórias aqui na província de Puerto Quijarro e Puerto Suárez, que fazem fronteira direta com a gente, estamos atentos aos pacientes. A prioridade é reforçar a vacina de influenza e covid e, prioritariamente, manter medidas de higiene”, destaca Luciana Ambrósio, gerente de Vigilância em Saúde da Prefeitura de Corumbá ao Campo Grande News.

É importante lembrar que o município registrou a primeira morte da doença do ano no Estado, em 3 de março. O paciente tinha 64 anos, foi diagnosticado com H3N2 e era imunodeficiente. Atualmente, no Estado, já são confirmadas 763 pessoas hospitalizadas, oito delas com influenza confirmada.

Receba as principais notícias do Estado pelo Whats. Clique aqui para acessar o canal do Campo Grande News e siga nossas redes sociais.

Nos siga no Google Notícias