A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

02/12/2015 22:52

Justiça determina e amanhã mil famílias devem ser despejadas de fazenda ocupada

Flávio Paes
Famílias iniciaram preparação da terra para o plantio (Foto:Divulgação)Famílias iniciaram preparação da terra para o plantio (Foto:Divulgação)

Está programada para amanhã, por determinação da Justiça, a reintegração posse na Fazenda Saco do Céu, no distrito de Casa Verde, em Nova Andradina, a 300 quilômetros de Campo Grande. 

A propriedade está ocupada há mais de três meses por aproximadamente mil famílias, ligadas ao MST (Movimento Sem-Terra). Elas invadiram a área de 5 mil hectares no dia 21 de agosto. O grupo veio de acampamentos na região e reivindicama desapropriação da fazenda que o MST considera improdutiva.

A reintegração de posse da área foi solicitada pela proprietária, Anely Conceição Liguori Tomaino. O juiz acatou o pedido e determinou “pronta retirada dos invasores que se encontram dentro do imóvel rural, com o auxílio de força policial se necessária ao efetivo cumprimento desta decisão”.

 O MST tentou recorrer da decisão  que determinou despejo, em requerimento encaminhado ao juiz Robson Candelorio, mas ele manteve a sentença favorável à próprietária. O movimento  informou ter conhecimento de que a área já foi vistoriada pelo Incra e que a proprietária teria manifestado interesse em vender a fazenda, “mas a situação não se resolve e enquanto isso famílias vivem em acampamentos às margens de rodovias”.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions