A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

10/05/2016 19:10

Quadrilha suspeita por 9 assaltos na região oeste da Capital é presa

Amanda Bogo
Quadrilha foi apresentada à imprensa nesta tarde pela Polícia Civil (Foto: Pedro Peralta)Quadrilha foi apresentada à imprensa nesta tarde pela Polícia Civil (Foto: Pedro Peralta)

A Derf (Delegacia Especializada de Repressão a Roubos e Furtos) apresentou na tarde desta terça-feira (10) a quadrilha suspeita por nove assaltos à comércios da região da avenida Júlio de Castilho, zona oeste de Campo Grande. 

No sábado (7), a PM (Polícia Militar) prendeu em flagrante Lauro Feritas Moreira, 27, conhecido como Laurinho; Welington Batista da Silva Duarte, 22, e Lessandro Alves da Cunha, 20, suspeitos de participar de um assalto a um mercado no Jardim Aeroporto. Com eles não foram encontradas os revólveres utilizados no crime.

A investigação foi conduzida pelo delegado Ivair Campos. Os policiais foram informados que Lauro havia entregado as armas para um adolescente de 16 anos. A polícia descobriu o local onde o jovem estava escondido com outros dois suspeitos, Marcos Antônio dos Santos, 24, e Pablo Peixoto Nunes, 18. 

Na abordagem, o adolescente confessou ter recebido as armas de Lauro. No local, além dos suspeitos, foram apreendidos dois revólveres, um calibre 38 e o outro calibre 32, além de 30 munições winchester calibre 22. A quadrilha foi presa mas o rapaz foi liberado por ser menor de idade.

O grupo tinha rixa com outra quadrilha da Capital. O delegado Reginaldo Salomão explicou que anos atrás, a quadrilha de Lauro matou um rapaz de outro grupo da cidade. Como forma de vingança, os rapazes mataram um homem chamado Fabiano, comparsa de Lauro. Segundo o delegado, o caso está sendo investigado pela 7ª Delegacia de Polícia de Campo Grande.

Para o delegado, os crimes na região devem diminuir com a prisão dos suspeitos. "Alguns locais foram assaltados mais de uma vez, e estamos trabalhando para identificar se eles são os responsáveis por outros casos. Com os suspeitos presos, a robalheira desenfreada na região deve cessar", finalizou.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions