A notícia da terra a um clique de você.
 
03/10/2019 06:38

Síndrome da cervejaria, os micróbios podem embebedar

Mário Sérgio Lorenzetto
Síndrome da cervejaria, os micróbios podem embebedar

Imagine que você é um policial de trânsito. Você vê um carro à frente andando com um traçado anormal. Determina que a motorista vá para o acostamento. Ela está claramente embriagada. Com fala arrastada, jura que não tomou uma gota sequer de bebida alcoólica. Você acreditaria nela?
Em 2016, uma mulher que tinha um nível de álcool no sangue quatro vezes maior que o limite legal, foi absolvida pela justiça dos EUA depois que foi descoberto que ela tinha uma condição rara chamada "Síndrome da auto-cervejaria". Pessoas com essa síndrome carregam micróbios no intestino que produzem níveis anormalmente altos de álcool.

Síndrome da cervejaria, os micróbios podem embebedar

A Universidade de Indiana estuda a cirrose em pessoas com síndrome da auto-cervejaria.

Desde a descoberta da síndrome da auto-cervejaria, muitos questionamentos passaram a ser feitos. A Universidade de Pequim começou a estudar a existência da doença hepática gordurosa nas pessoas com essa síndrome. Todavia, quem conseguiu levar até o final esse estudo foi a Universidade de Indiana, nos EUA. À partir do estudo, feito pelos chineses, do metabolismo celular dessas pessoas, os norte americanos conseguiram comprovar que existe, de fato, a ocorrência da doença hepática gordurosa em quem têm síndrome da auto-cervejaria.

Síndrome da cervejaria, os micróbios podem embebedar

Fígado doente sem beber.

O acúmulo do excesso de gorduras no fígado pode causar sérios problemas de saúde, incluindo inflamação, que pode levar a cirrose (cicatrizes) e câncer de fígado. A maioria das pessoas associa doença hepática gordurosa ao alcoolismo. No entanto, a doença hepática gordurosa não alcoólica acomete ainda mais pessoas que que a doença hepática gordurosa alcoólica. Estudos realizados em vários pontos do planeta, demonstraram que ela acomete a enormidade de 30% da população ocidental. A grande maioria desses pacientes nada sente e só descobre a existência da doença com exames de sangue ou de imagem. Há causas variadas: obesidade, níveis elevados de colesterol, hepatite C e resistência à insulina parecem ser os mais comuns.

Síndrome da cervejaria, os micróbios podem embebedar

Uma bactéria causa a síndrome da auto-cervejaria.

Recentemente, os pesquisadores da Universidade de Indiana descobriram que a síndrome da auto-cervejaria é causada por algumas cepas da bactéria klebsiella pneumoniae. Essas cepas podem produzir entre quatro a seis vezes a quantidade de álcool que outras cepas da mesma bactéria que habita nosso intestino.
Pego no bafômetro? Corra a um laboratório para checar se têm as cepas da bactéria que causa a síndrome da auto-cervejaria (se é que esse exame chegou no Brasil).

imagem transparente
Busca

Classificados


Copyright © 2019 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.