A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 16 de Agosto de 2018

25/07/2018 18:26

Terrenos abandonados viram “vilões” de vizinhanças graças à falta de limpeza

Áreas no Jardim Los Angeles e no Chácara Cachoeira, em Campo grande, transformaram-se em motivos de preocupações para moradores

Taynara Menezes
Terrenos no Los Angeles estão abandonados há 10 anos, segundo moradores (Foto: Direto das ruas)Terrenos no Los Angeles estão abandonados há 10 anos, segundo moradores (Foto: Direto das ruas)

O desconforto e a insegurança que os terrenos baldios trazem à população são grandes mas, mesmo assim, é comum se deparar com áreas sem cuidado espalhados pelos bairros, independentemente da região de Campo Grande. Mato alto, sujeira e lixos depositados nos terrenos se tornam “moradores permanentes” destas áreas.

Na rua Agnelo Souza Castro, no Jardim Los Angeles, por exemplo, um terreno que estaria abandonado há cerca de 10 anos, conforme moradores da localidade, tornou-se o “vilão” da vizinhança. O representante comercial Daniel da Silva, 32 anos, conta que ao longo desses anos o proprietário da área nunca a limpou.

O que mais preocupa, destacou Silva, é o risco à saúde e a falta de segurança que moradores da região sofrem devido a esse abandono.

“Cobras, escorpiões e aranhas entram direto em nossa casa, fora que (o terreno) serve de esconderijo pra usuários de drogas. Já solicitamos a limpeza do terreno para fazermos uma área de lazer para as crianças, mas não houve nenhum retorno” relata.

Terreno na rua Dr. Michel Scaff, Chacara Cachoeira (Foto: Direto das ruas)Terreno na rua Dr. Michel Scaff, Chacara Cachoeira (Foto: Direto das ruas)

Em outra região da cidade, moradores do bairro Chácara Cachoeira enfrentam situações semelhantes todos os dias. Na rua Dr. Michel Scaff, um terreno preocupa os vizinhos do entorno, pois o aparecimento de cobras se tornou frequente na região.

“Semana passada tivemos a infelicidade de ter uma cobra em nosso quintal. Tenho criança e dois cachorros e não quero deixá-los em risco. Além do mais, pode ser um terreno que favorecerá o surgimento de focos do Aedes aegypti”, disse um morador que não quis se identificar.

A Semadur (Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Desenvolvimento Urbano) informa que é responsabilidade de cada proprietário manter imóveis e terrenos limpos, mas é proibido se valer de queimadas com fins de limpeza. Os donos que fizerem uso da prática serão autuados e multados em valores entre R$ 2.243 e R$ 8.972.

O descarte irregular de lixo e entulhos em terrenos também é crime. Quem flagrar situações como esta pode entrar em contato pelo dique denuncia 156 ou notificar a Promotoria de Justiça do Meio Ambiente pelo telefone 3317-4067.

Direto das Ruas – A sugestão de matéria chegou ao Campo Grande News por meio do canal Direto das Ruas, canal de interação do leitor com a redação. Quem tiver flagrantes, sugestões, notícias, áudios, fotos e vídeos pode colaborar no WhatsApp pelo número (67) 99955-2040, pela ferramenta Fale Conosco ou por mensagem enviada via Facebook.

Para que sua imagem tenha mais qualidade, orientamos que fotos e vídeos devem ser feitos com o celular na posição horizontal.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions